Menina de 3 anos morre por ter sido largada dentro do ônibus escolar

Ela foi ‘esquecida’ dentro do ônibus de ‘sogei’ do jardim de infância em Shizuoka.

Ônibus usado para o transporte escolar do jardim de infância (SBS)

Por volta das 14h15 de terça-feira (5), uma funcionária do Kawasaki Kindergarten, um jardim de infância certificado em Shizunami, cidade de Makinohara (Shizuoka), encontrou a aluna China (Tina) Kawamoto, de 3 anos, inconsciente, dentro do ônibus escolar. 

Publicidade

A ambulância foi imediatamente acionada, mas o hospital, para onde foi transportada, confirmou a morte da menina.

A polícia acredita que a China pode ter sofrido uma insolação depois de ter ficado dentro do veículo carro por cerca de 5 horas e abriu investigação como suspeita de negligência profissional resultando em morte.  

De acordo com a polícia, esse ônibus chegou no Kawasaki Kindergarten pouco antes das 9h de segunda-feira. Passados alguns minutos das 14h, uma funcionária entrou no ônibus estacionado para prepará-lo para levar as crianças de volta, quando encontrou a menina.  

O ônibus estava estacionado em um local sem teto e acredita-se que a temperatura do interior do ônibus estava elevada, pois segundo a Agência de Meteorologia do Japão (AMJ), a temperatura máxima na cidade de Makinohara foi de 30,5 graus Celsius.

Polícia no jardim de infância (NHK)

O ônibus comporta 18 pessoas. No período da manhã, o diretor administrativo de 73 anos o dirigiu para buscar as 6 crianças, acompanhado de uma arubaito de 70. Por isso, a polícia ouviu todos os funcionários do jardim de infância para verificar como funciona o sistema de gestão e compreender como puderam ter esquecido a menina dentro do veículo.

De acordo com o governo da província, o jardim de infância de Kawasaki tinha 158 crianças matriculadas em maio. 

Em julho do ano passado, um menino de 5 anos morreu por ter sido esquecido dentro do ônibus de um jardim de infância em Nakama (Fukuoka).

Fontes: SBS, Yomiuri, Mainichi e NHK

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Exame confirma que corpo encontrado é o do menino desaparecido

Publicado em 6 de setembro de 2022, em Sociedade

Depois de mais de 2 semanas de angústia na busca, a família de Reon recebeu a notícia de confirmação de que o corpo encontrado é o dele.

Foto do menino Reon cedida pela família (Hokkoku Shimbun)

A Delegacia de Polícia de Takaoka (Toyama) realizou o teste de DNA do corpo da criança encontrada na manhã de domingo (4) no mar e, na noite de segunda-feira (5), confirmou ser o de Reon Takashima, 2 anos, o qual estava sendo procurado desde o seu desaparecimento em 20 de agosto.

Publicidade

Na terça-feira (6) a polícia continuará a procurar pistas, como as suas roupas, ao redor de onde o corpo foi encontrado, pois o pequeno Reon pode ter caído acidentalmente no canal de irrigação.

A polícia disse que a causa da morte não pode ser determinada porque o corpo estava muito danificado.

A família de Reon Takashima comentou o seguinte:

“Gostaríamos de expressar nossa profunda gratidão a todos que cooperaram na busca de Reon sob este calor, e a todos que enviaram palavras calorosas e de encorajamento de todo o país.

Além disso, somos profundamente gratos àqueles que encontraram Reon.

O resultado em relação a Reon é muito decepcionante e estamos em um estado de situação ainda não resolvida em nossos corações”.

O menino Reon desapareceu de sua casa, por volta das 18h40 de 20 de agosto, depois de ter tomado banho e estava vestido de pijama. Enquanto a mãe secava o cabelo da irmã mais velha, no segundo piso do sobrado, ele teria descido as escadas sozinho e saído pela porta dos fundos em uma noite chuvosa.

Fontes: JNN e Hokkoku Shimbun

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros