Menina morre após inalar vapor durante banho em reação extremamente rara

A menina de 12 anos morreu enquanto tomava banho em sua casa após ela ter sofrido uma reação extremamente rara ao vapor.

Ilustrativa (banco de imagens)

Uma menina morreu enquanto tomava banho em sua casa após ela ter sofrido uma reação extremamente rara ao vapor.

Publicidade

Shaza Al-Azayzeh foi levada às pressas para o Hospital Al-Aqsa Martyrs em Deir al-Balah, na Faixa de Gaza, na Palestina, após o acidente na segunda-feira (28).

A menina de 12 anos foi declarada morta na chegada ao hospital, e os médicos disseram que a causa foi inalação de vapor.

Não está claro se uma investigação sobre a morte da menina está sendo realizada.

É extremamente raro que inalação de vapor cause morte, mas há alguns exemplos desses acontecimentos.

Um estudo de 2005, publicado no Jornal de Medicina Forense Clínica, cita a morte de duas crianças como os primeiros casos conhecidos.

Os autores BL Bhootraa e J Kitinya descobriram que a inalação fatal de vapor causa hemorragias no cérebro, pulmões e coração.

Ele também congestiona partes da garganta e pulmões.

O oxigênio no sangue fica esgotado e é isso essencialmente que causa morte.

Isso tudo acontece dentro de minutos da reação estranha à respiração no vapor.

Fonte: Metro UK

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Primeira-dama da Ucrânia denuncia ‘russos de usarem violência sexual como arma’

Publicado em 30 de novembro de 2022, em Notícias do Mundo

A esposa do presidente Volodymyr Zelensky participou de uma conferência sobre violência sexual e denunciou as atrocidades cometidas pelos militares russos na Ucrânia.

Olena Zelenska, primeira-dama da Ucrânia, como painelista na conferência em Londres (JNN)

Olena Zelenska, esposa do presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, participou da Conferência sobre a Prevenção da Violência Sexual em Conflitos, em Londres, na segunda-feira (28).

Publicidade

Como seu marido e presidente não sai do país atacado pela Rússia desde 24 de fevereiro, a primeira-dama tem tido um papel importante em suas visitas ao exterior.

“O crime sexual tornou-se uma das armas dos militares russos e uma das ferramentas de guerra“, denunciou Olena.

Olena Zelenska, primeira-dama da Ucrânia (JNN)

Segundo ela, “os soldados russos estão constantemente e abertamente cometendo crimes sexuais”.

Por isso, enfatizou a importância da responsabilidade, dizendo que “enquanto os soldados russos pensarem que podem escapar impunes, os crimes de guerra continuarão a ocorrer no mundo”. Ela solicitou a criação de um tribunal internacional para julgar os crimes de guerra da Rússia.

O presidente Joe Biden, dos Estados Unidos, assinará um memorando de entendimento para prevenir a violência sexual em áreas de conflito e buscar responsabilidade de acordo com a conferência, e ampliará o apoio às vítimas e aos grupos de investigação.

Por outro lado, o presidente Zelensky acusou os militares russos de quase 260 disparos de artilharia na província de Kherson, no sul, em uma semana.

Fonte: JNN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros