Derretimento de geleira revela corpo de alpinista desaparecido há 37 anos

Testes de DNA confirmaram que um corpo recentemente encontrado em uma geleira no sul do famoso pico Matterhorn é o de um alpinista alemão que desapareceu há 37 anos.

A Matterhorn é uma das montanhas mais famosas do mundo (banco de imagens)

Um grupo de alpinistas de geleiras ficaram espantados em encontrar o corpo de um homem que desapareceu há quase 4 décadas.

Publicidade

Testes de DNA confirmaram que um corpo recentemente encontrado em uma geleira do famoso pico Matterhorn é o de um alpinista alemão que desapareceu há 37 anos, disse a polícia no sudoeste da Suíça na quinta-feira (27).

Derretimento crescente de geleiras, o que muitos cientistas culpam o aquecimento global, acelerou um recente aumento nas descobertas de restos mortais de alpinistas, esquiadores e outros que desapareceram há décadas.

A polícia regional disse que o alemão com então 38 anos desapareceu em setembro de 1986 e buscas na época não o encontraram.

Em 12 de julho, alpinistas que estavam da geleira Theodul perto da fronteira italiana encontraram os restos mortais do homem, que foram transportados a um hospital nas proximidades para análise. Testes genéticos confirmaram a identidade, a qual não foi publicada pela polícia regional.

Climatologistas suíços e outros especialistas dizem que as geleiras do país vêm derretendo a taxas aceleradas nos últimos anos, atribuindo em parte à mudança climática causada pela atividade humana.

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

China anunciará novas medidas de estímulo; setor de fábricas contrai pelo 4º mês

Publicado em 31 de julho de 2023, em Ásia

Companhias veem fracas exportações em meio a preocupações no exterior com uma desaceleração econômica.

Trabalhador em montadora na China (ilustrativa/banco de imagens)

Os dados mais recentes da China indicam atividade desacelerada em fábricas pelo 4º mês seguido em julho.

Publicidade

Companhias veem fracas exportações em meio a preocupações no exterior com uma desaceleração econômica.

O Departamento Nacional de Estatísticas diz que o Purchasing Manager’s Index – PMI (Índices dos Gerentes de Compras) situou-se a 49.3, que é mais de três décimos de um ponto percentual de junho, mais ainda abaixo da marca de 50 que separa crescimento de contração. O PMI é baseado em uma pesquisa com 3,2 mil fabricantes.

O fraco mercado imobiliário da China também levou a uma queda na demanda relacionada à construção no país.

O PMI para não fabricantes, incluindo aquelas no setor de serviços, chegou a 51.5. Esse é o sétimo mês consecutivo que indicou expansão, embora o número tenha sido uma queda de 1.7 ponto de junho.

A liderança do presidente chinês Xi Jinping sinalizou preocupação, visto que a recuperação econômica do país perde tração.

Autoridades disseram que focarão na expansão da demanda doméstica, mas os detalhes das medidas ainda serão anunciados.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!