TSMC evacua fábrica de chips após forte terremoto de 7,4 em Taiwan

A maior fabricante de chips por contrato do mundo ainda está avaliando o impacto de um tremor de magnitude 7,4 ao largo costa leste, que desencadeou alertas de tsunami.

Um tremor de magnitude 7,4 abalou o largo da costa leste de Taiwan nesta quarta-feira, 3 de abril de 2024 (NHK)

A Taiwan Semiconductor Manufacturing Co. (TSMC) e sua rival United Microelectronics Corp.(UMC) evacuaram áreas de fábricas após a ocorrência do maior terremoto em Taiwan em 25 anos, gerando incerteza sobre a produção na maior fabricante de chips avançados do mundo.

Publicidade

A TSMC, a principal fabricante de chips por contrato para a Apple e Nvidia, deslocou funcionários de certas áreas e disse que está avaliando o impacto de um tremor de magnitude 7,4 que abalou o largo da costa leste de Taiwan.

Já a UMC suspendeu operações em algumas plantas e evacuou certas instalações em seus centros de Hsinchu e Tainan, disse ela em uma declaração.

Empresas taiwanesas, desde a TSMC à ASE Technology Holding Co., produzem a grande maioria de semicondutores usada em dispositivos, de iPhones a carros, vulneráveis mesmo aos menores tremores.

Uma única vibração pode destruir lotes inteiros dos semicondutores de alta precisão.

“Os sistemas de segurança da TSMC estão operando normalmente. Para garantir a segurança de nosso pessoal, algumas fábricas foram evacuadas de acordo com procedimento da companhia”, disse a empresa em uma declaração. “Atualmente estamos confirmando os detalhes do impacto”.

Taiwan é propensa a terremotos porque ela fica próxima da convergência de duas placas tectônicas.

Mesmo assim, ela também é a fonte de estimados 80% a 90% dos chips da mais alta tecnologia necessários para aplicações avançadas como em smartphones e inteligência artificial.

Executivos da indústria e autoridades do governo chamam à atenção há muito tempo sobre os perigos de centrar a produção dos semicondutores mais avançados no mundo em uma ilha que, além de choques naturais, é considerada um ponto de conflito militar em potencial. Isso se tornou particularmente evidente durante a era da Covid, a qual exacerbou uma escassez global dos componentes vitais.

Autoridades americanas, cientes da ameaça à Taiwan de um governo da China continental que considera a ilha uma província renegada, pressionam empresas dos EUA e taiwanesas – incluindo a TSMC – a diversificar globalmente.

Entretanto, projetos de expansão da TSMC que estão agora em andamento no Japão e EUA levarão tempo para alcançar velocidade total e companhias americanas como a Micron Technology ainda mantêm principais operações na ilha.

Fonte: CNBC

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Navio movido a hidrogênio no Japão oferece cruzeiros ecologicamente corretos

Publicado em 3 de abril de 2024, em Artigos de Turismo

O navio turístico Hanaria poderia reduzir potencialmente as emissões de dióxido de carbono em 53% a 100%.

O Hanaria deve operar cruzeiros que partem do Porto de Kokura e do Porto de Moji em Fukuoka (hanaria.jp)

O primeiro navio de passageiros do Japão movido a hidrogênio e biocombustível deve navegar ao largo da costa de Kitakyushu (Fukuoka) com início em 10 de abril.

Publicidade

O navio turístico Hanaria, construído por uma companhia marítima de Tóquio, poderia reduzir potencialmente as emissões de dióxido de carbono em 53% a 100%.

“A indústria marítima usa muita energia. Ao aumentar aliados que compartilham nossa meta de descarbonização esperamos contribuir para mudar a indústria”, disse o presidente da Motena-Sea, empresa que opera o Hanalia.

O Hanaria deve operar cruzeiros que partem do Porto de Kokura e do Porto de Moji, oferecendo aos passageiros a chance de desfrutar de vistas noturnas de Kitakyushu.

Fonte: News on Japan

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
UNINTER - Faculdade ONLINE no Japão!