Variante mutante de mpox com potencial pandêmico é descoberta no Congo

Pesquisadores que detalharam o vírus em um relatório oficial pediram por ‘medidas urgentes’ a fim de contê-lo e evitar um surto global.

Autoridades da saúde no Congo pedem ‘medidas urgentes ‘para conter a nova variante da mpox (ilustrativa/banco de imagens)

Uma variante mutante de mpox (conhecida anteriormente como monkeypox – varíola dos macacos) com “potencial de pandemia” foi descoberta em uma cidade da República Democrática do Congo.

Publicidade

O vírus é um descendente da cepa mais fatal mpox clado 1, mas evoluiu para se tornar ainda mais infecciosa e melhor em evadir testes do que sua predecessora.

A descoberta preocupante foi feita em Kamituga, uma pobre e densamente populosa cidade de mineração a qual teme-se que pode ser propícia para um surto explosivo. Até agora houve 108 casos.

Os pesquisadores estão preocupados que a população “altamente móvel” de Kamituga pode ser o terreno perfeito para o novo vírus.

Mineiros e profissionais do sexo viajam frequentemente de e para a cidade a trabalho saindo de países vizinhos como Ruanda e Burundi.

E muitas pessoas com sintomas de mpox continuam na comunidade e não buscam cuidados médicos”, escreveram os autores.

Pesquisadores que detalharam o vírus em um relatório oficial pediram por “medidas urgentes” a fim de contê-lo e evitar um surto global.

“Sem intervenção, esse surto localizado em Kamituga abriga o potencial de se espalhar nacionalmente e internacionalmente”, escreveram os autores.

A mpox causou uma epidemia internacional em 2022 quando ela se espalhou para mais de 100 países e causou a morte de centenas de pessoas.

Acredita-se que a nova cepa tenha surgido em algum momento entre julho e setembro de 2023 em animais e transmitida aos humanos.

Com a propagação em Kamituga, ela adquiriu novas mutações que a ajudaram a se disseminar – principalmente entre profissionais do sexo.

Cerca de 30% dos casos estavam entre profissionais do sexo, sugerindo que o vírus se espalha de maneira similar àquela que causou o surto de 2022.

A pesquisa foi liderada por cientistas congoleses em colaboração com especialistas da África, Europa, EUA e Canadá.

As descobertas foram discutidas por ministros da saúde de 12 países em uma reunião convocada pelo Centro da África para Controle de Doenças na semana passada, divulgou o site The Telegraph.

Fonte: Daily Mail

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Dos 29 veículos furtados das lojas Bigmotor, 30% foram recuperados

Publicado em 17 de abril de 2024, em Sociedade

Ainda não se sabe porque os ladrões abandonaram alguns dos carros furtados.

Loja da Bigmotor, na cidade de Matsumoto, em Nagano (FNN)

Já foi noticiado amplamente que a rede de revendas de carros usados Bigmotor teve 29 veículos furtados de 6 de seus estabelecimentos em abril deste ano. 

Publicidade

Desde então, a polícia informou que os 3 carros da loja de Matsumoto (Nagano), subtraídos em 9 deste mês, foram recuperados. Foram encontrados nos arredores da cidade na segunda-feira (15) e devolvidos.  

Mas não foram os únicos encontrados. Até o momento foram recuperados 9 no total, incluindo esses 3, mas os ladrões ainda não foram presos.

As delegacias de polícia de Gunma, Saitama, Nagano e Yamanashi continuam investigando mas também estão realizando medidas preventivas nas lojas, desde terça-feira (16), como verificar se os veículos à venda estão devidamente travados e se há câmeras de segurança.

Na província de Nagano vários carros já foram furtados de oficinas e concessionárias, por isso, a polícia apela para reforçar as medidas de segurança.

Polícia em uma das agência da Bigmotor fazendo orientações para prevenção de furto (FNN)

Fonte: FNN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - promoção Torcida BB!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!