‘Love and Peach’: novo frappuccino chega às lojas da Starbucks no Japão

Uma nova bebida de verão designada a parecer e ter o sabor de um pêssego bem madurinho.

O Love and Peach Frappuccino (Starbucks Japan)

As coisas estão ficando “frutadas” na Starbucks no Japão neste verão, com a rede já oferecendo não apenas 1, mas 2 frappuccinos de banana para o mês de junho e agora ela tem uma novidade para julho, desta vez com os pêssegos como estrelas.

Publicidade

Esse terceiro lançamento de verão é chamado de Love and Peach Frappuccino. A bebida replica perfeitamente a aparência do pêssego com belas tonalidades, criadas ao colocar em camadas suco e purê da fruta por cima de uma polpa suculenta no fundo do copo.

Dizem que o sabor é tão autêntico que a sensação é de estar mordendo um pêssego maduro, com um balanço harmonioso entre a acidez leve da casca e a doçura da polpa persistindo no paladar a cada gole.

Misturando-a com a cobertura de chantilly mudará o perfil de sabor, criando um gostinho cremoso que é similar a um doce rico e luxuoso de pêssego.

A nova bebida está à venda nas lojas da Starbucks no Japão de 10 de julho a 6 de agosto de 2024.

Fonte: Sora News

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Homem é preso por matar gêmeas recém-nascidas porque família queria menino

Publicado em 11 de julho de 2024, em Ásia

O pai levou as recém-nascidas logo após o nascimento e disse à esposa que elas haviam morrido de uma doença, disse a polícia. O caso ocorreu na Índia.

O homem de 32 anos foi preso após ficar foragido por mais de 1 mês (ilustrativa/banco de imagens)

A polícia na capital Nova Déli na Índia prendeu um homem por matar suas filhas gêmeas recém-nascidas.

Publicidade

Neeraj Solanki, de 32 anos, foi preso no estado vizinho de Haryana após ficar foragido por mais de 1 mês, disse a polícia na quarta-feira (10). Ele foi acusado de assassinato.

Ele é acusado de ter matado as gêmeas e as enterrado porque a família dele estava “infeliz” pelo fato de sua esposa ter dado à luz gêmeas, divulgou a NDTV. Eles queriam um menino.

A polícia iniciou uma investigação após ser alertada sobre as mortes das gêmeas de apenas três dias de vida em 3 de junho.

A pessoa que ligou, a qual se identificou como cunhado do suspeito, afirmou que Solanki havia matado as meninas e as enterrado em um crematório.

Os corpos foram exumados em 5 de junho e enviados para autópsia antes de serem entregues ao tio materno.

Em sua queixa à polícia, a esposa alegou intimidação por parte de seus sogros por dote desde que se casou com Solanki em 2022. Ela havia sido submetida a um exame pré-natal para determinação do sexo, o qual foi banido na Índia em 1994 para impedir abortos.

As leis na Índia também proíbem que médicos e profissionais da saúde compartilhem informações sobre o sexo da criança com os pais.

Um relatório de 2022 realizado pelo Centro de Pesquisa Pew disse que pelo menos 9 milhões de meninas “desapareceram” na Índia como resultado de infanticídio feminino de 2000 a 2019.

Fonte: The Independent

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!