Pesquisadores desenvolvem método indolor para detectar câncer de mama

O novo método é indolor e capaz de detectar tumores claramente. Ele também é livre de exposição à radiação.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

O novo método fornece claras imagens tridimensionais sem causar dor nas pacientes, ao contrário de mamografias (imagem ilustrativa/banco de imagens)

Um grupo liderado pela Universidade de Kobe, na província de Hyogo, desenvolveu um novo método de inspeção de imagem para detectar câncer de mama com alta precisão ao usar um transmissor que envia baixos sinais de rádio quando colocado sobre a mama.

Publicidade

O novo método fornece claras imagens tridimensionais sem causar dor nas pacientes, ao contrário de mamografias que atualmente são usadas para verificação de câncer de mama, de acordo com o grupo.

Em uma tentativa de disseminar a nova técnica em detecção, o grupo tem a intenção de iniciar testes clínicos no ano fiscal de 2019.

Kenjiro Kimura, professor da Universidade de Kobe, especialista em metrologia, além de outros pesquisadores, olharam para o fato de que os seios são em grande parte formados por gordura, com ondas de rádio desviando de tecidos corporais, mas penetrando nela.

O grupo estabilizou o método de criar de forma instantânea uma imagem estereoscópica de tumores cancerígenos ao transmitir ondas de rádio a uma mama e analisar as ondas que foram desviadas fora dos tumores.

Em mamografias, as pacientes normalmente sentem dor porque suas mamas são comprimidas entre placas. Além disso, no caso de uma mulher com denso tecido mamário, a imagem total fica esbranquiçada, o que dificulta detectar áreas anormais, as quais também aparecem brancas.

O novo método é sem dor e capaz de detectar tumores claramente. Ele também é livre de exposição à radiação, e a energia da onda de rádio não e mais de 0.1% daquelas transmitidas de telefones móveis.

O grupo investigou a precisão do novo método ao testá-lo em 200 pessoas, incluindo pacientes com câncer e com denso tecido mamário.

Os resultados se igualaram a mais de 90% dos resultados de outros tipos de exames como mamografias, ultrassonografias e biópsias. O grupo foi capaz de detectar cânceres no estágio inicial, o que é difícil fazer usando métodos padrão.

“Espero comercializar esse método através de equipamento médico até o ano 2021com a cooperação de grandes fabricantes”, disse Kimura.

“Pacientes com denso tecido mamário contam por cerca de 80% de todas as mulheres, então, é importante desenvolver um método de exame para substituir a mamografia. O método pode ser aplicado a outros usos médicos como examinar a eficácia de tratamentos com medicamentos”, disse Mitsuhiro Tozaki, líder do departamento de radiologia do Centro de Câncer do Hospital Sagara em Kagoshima.

Fonte: Yomiuri
Imagem: Banco de imagens

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Governo encoraja compra de produtos próximos da data de vencimento

Publicado em 16 de maio de 2018, em Sociedade

O objetivo da campanha é diminuir a quantidade de alimentos não consumidos que são descartados.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Leite, tofu e ovos são os produtos mais descartados (imagem ilustrativa/banco de imagens)

Em uma tentativa de reduzir a quantidade de alimentos não consumidos que são descartados, o Ministério do Meio Ambiente vai promover uma campanha que encoraja as pessoas a escolherem produtos com a data de validade próxima, segundo oficiais.

Publicidade

O ministério vai criar cartazes promocionais para a campanha e começar a pedir aos varejistas que os coloquem em suas lojas em junho.

Mudanças no comportamento dos consumidores são considerados fundamentais para reduzir a quantidade de produtos alimentícios que são removidos das prateleiras para descarte porque suas datas de validade estão próximas.

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, adotados em 2015, visam reduzir pela metade o desperdício global de alimentos até o ano 2030.

Do prejuízo de alimentos nas distribuidoras, acredita-se que centenas de milhares de toneladas sejam descartadas porque a data de validade dos produtos estão próximas.

Uma razão principal para a perda massiva de alimentos é que a tendência do consumidor é evitar os estoques velhos de produtos na parte da frente das prateleiras e pegar os novos que são colocados no fundo. Leite, tofu e ovos estão entre os produtos mais afetados pela prática.

O ministério usará os cartazes para pedir aos consumidores que comprem produtos dispostos na parte da frente das prateleiras se eles forem consumi-los imediatamente. Os cartazes serão distribuídos aos municípios em todo o país.

No ano fiscal de 2015, o desperdício de alimentos no Japão aumentou em 250 mil toneladas ante o ano anterior, para estimadas 6.46 milhões de toneladas após dois anos de declínio.

Fonte: Jiji, Yomiuri
Imagem: Banco de imagens

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância