Se ocorrer o temido megaterremoto Nankai Trough: 320 mil vítimas fatais

No Dia da Prevenção de Desastres o temido megaterremoto na fossa de Nankai foi lembrado. Veja as possibilidades de ocorrência e assista ao vídeo.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustração do tsunami, de Shizuoka a Kyushu, na ocorrência do megaterremoto na fossa de Nankai ou Nankai Trough (governo)

No Dia da Prevenção de Desastres (1.º) o governo do Japão lembrou da possibilidade de ocorrência do temido megaterremoto Nankai Trough ou na fossa de Nankai. Nos próximos 30 anos, com probabilidade de 70 a 80%, poderá ocorrer um gigante com 8 a 9 de magnitude. E com ele ocorrerá também o tsunami.

Publicidade

No passado a mesma falha submarina – da Baía de Suruga, em Shizuoka, a Hyuga, em Kyushu – já provocou terremotos de grande magnitude. Foram na categoria de 8, relacionados à fossa de Nankai, em 1361, 1498, 1605, 1707, 1854, 1944 e 1946. O intervalo, exceto nos dois último, tem sido de 100 anos.

A estimativa do Comitê de Investigação do Terremoto do governo é que na pior das hipóteses a ocorrência geraria 323 mil mortes. Os danos materiais seriam de 2,38 milhões de edifícios e casas totalmente destruídos ou incendiados.

O número estimado de pessoas em abrigos provisórios depois de uma semana seria superior a 9,5 milhões. E tenderia a se prolongar.

Prevenção e medidas contra o megaterremoto

O governo calcula que os danos humanos e materiais poderiam ser reduzidos se os imóveis tivessem alta resistência aos sismos. Também dentro das casas e escritórios, se os residentes se prevenissem para evitar que os móveis caiam, o número de vítimas seria bem menor. Se tudo isso fosse feito 15 mil vidas seriam salvas. E 82 mil prédios ou edificações ficariam livres do colapso.

Ilustração da ampla área a ser atingida pelo temido Nankai Through (governo)

Em relação às mortes estimadas pelos incêndios, também poderiam ser reduzidas, pois a estimativa é de 10 mil pessoas. Se instalassem um disjuntor sensível aos tremores (感震ブレーカー, lê-se kandou bureekaa), do tipo que desliga automaticamente, ajudaria a reduzir o número de vítimas fatais.

Menos da metade da população faz prevenção

O governo realizou uma pesquisa em novembro do ano passado, sobre as medidas da população em relação ao terremoto. Constatou que 41% dos entrevistados fixaram os móveis e eletroeletrônicos da casa. Em relação ao disjuntor automático somente 13% o instalou.

Para minimizar os danos humanos e materiais o governo ainda tem o desafio da conscientização da população.

Se ainda não leu a matéria sobre a importância da prevenção e o que fazer quando algo acontecer, toque aqui para ler.

Simulação do tsunami e megaterremoto em várias cidades

Assista às imagens chocantes de simulação do tsunami e megaterremoto, através do vídeo produzido pelo governo do Japão. E, se possível, compartilhe esta informação com seus amigos e familiares para a conscientização da prevenção.

Fontes: NHK e governo 
Imagens: governo

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Violento tufão n.º 21 pode atingir o Japão no meio da semana

Publicado em 1 de setembro de 2018, em Sociedade

Classificado como violento, há risco de atingir o país na próxima semana. Se isto ocorrer, será a primeira vez em 25 anos, tamanha potência do Jebi.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A previsão é de que na segunda-feira se aproxime de Okinawa e na terça em Shikoku, provocando danos em ampla área (WN)

De acordo com a última informação da Agência de Meteorologia do Japão-AMJ, o tufão Jebi, de número 21, foi classificado como violento.

Publicidade

Na manhã de sábado (1.º) ele se desloca a 15Km/h sobre o Oceano Pacífico, na altura das Ilhas Mariana, com curso a oeste.

A pressão central é de 915hPa, com velocidade máxima do vento de 55m/s e máxima instantânea de 75m/s.

Tufão Jebi com olho claro e definido visto pelo satélite, às 6h de sábado (WN)

Previsão de curso do violento tufão

Segundo a AMJ na segunda-feira (3) deverá mudar o curso e se aproximar de Okinawa. No dia seguinte pela manhã (4), de Shikoku e de outras províncias, em ampla área.

O raio do tufão n.º 21 é grande, de cerca de 410Km, por isso outras províncias não devem se descuidar mesmo que a aproximação seja em Shikoku.

25 anos depois

Em 1993 o tufão de n.º 13 atingiu Kagoshima, com rajadas de vento de até de 50m/s.

Se o Jebi se aproximar do país será outro caso histórico depois de 25 anos.

Segundo a empresa Weather News o que esses dois tufões têm em comum são as rajadas de vento, que provocam mais danos do que a chuva. Calcula-se que o Jebi tenha velocidade relativamente rápida, por isso, há preocupação maior com a tempestade.

O olho do tufão n.º 21 observado pelo satélite é pequeno. Em geral, quando o olho é pequeno e claramente visível, indica que sua potência é forte.

Satélite capta imagem do olho pequeno e bem definido do tufão 21, às 9h de sábado (WN)

Fontes: NHK e Weather News 
Imagens: WN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência