Óleo de gordura de veados selvagens será transformado em shampoo no Japão

A superpopulação de veados preocupa o Japão, mas uma empresa está transformando o óleo extraído da gordura dos animais capturados em shampoo.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A superpopulação de veados preocupa autoridades (imagem ilustrativa)

Enquanto autoridades em Hokkaido se afligem com uma expansão indesejada da população de veados, uma empresa na província está capitalizando a situação ao transformar o óleo extraído da gordura do animal selvagem em shampoo.

Publicidade

A superpopulação do veado nativo Ezo tem causado enormes danos nas plantações, forçando autoridades a abater vários dos animais selvagens. Entretanto, boa parte dos animais abatidos não pode ser vendida, visto que a carne não atende aos padrões para consumo humano.

Cao Xuefeng, presidente de uma empresa de produtos de couro, a Wayoutokushin Co., procurou uma melhor utilização para partes do animal selvagem que normalmente são descartadas no processo de fabricação de couro da pele de veado.

Ao consultar especialistas na área, ele aprendeu que o óleo extraído da gordura de veado continha substâncias hidratantes. Após alguns anos de empenho, Cao teve sucesso em fabricar produtos de beleza e saúde, como shampoos e sabonetes corporais, ao misturar óleo de veado com outras substâncias.

Amostras de shampoo, produzidos em parte com tal óleo, foram antes distribuídas no Japão e na China antes do produto final ser comercializado em abril, incluindo uma loja em Tóquio que vende itens de estilo de vida.

No ano fiscal de 2015, danos às plantações causados por veados totalizaram ¥4,3 bilhões ($38,43 milhões) em Hokkaido. Dos 124.000 veados Ezo capturados, somente 17.6% puderam ser convertidos em carne em virtude de seu frescor e outras questões de qualidade.

Fonte: Mainichi
Imagem: Bank Image

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Empresas de telefonia irão diminuir o tempo mínimo para desbloqueio do celular

Publicado em 30 de maio de 2017, em Tecnologia

O tempo mínimo exigido para realizar o desbloqueio dos celulares no Japão diminuirá de 180 para 100 dias. Veja mais.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

As três grandes empresas de telefonia do Japão colocam um “bloqueio de cartão SIM” nos smartphones para outras empresas não poderem utilizar o aparelho. As empresas exigiam um tempo mínimo de 180 dias (6 meses) desde a compra de aparelhos comercializados desde maio de 2015 para ocorrer o desbloqueio. Contudo, essa medida estava sendo discutida em uma nova lista de regras.

Publicidade

Esta lista de regras foi estipulada pelo Ministério de Assuntos Internos e Comunicações do Japão (MIAC, sigla em inglês). A lista de regras permite o tempo mínimo de 100 dias para o desbloqueio apenas para os aparelhos vendidos a partir de maio de 2017.

Este tempo mínimo para o desbloqueio do aparelho é necessário para impedir o roubo do aparelho. O motivo principal é suprimir os crimes de atraso no pagamento por revendas imediatas na aquisição de aparelhos por parcelamento.

O MIAC realizou uma auditoria sobre a mudança na lista de regras com as empresas de telefonia e estipulou o período de 100 dias para o desbloqueio. Além disso, o MIAC pediu para as empresas permitirem o desbloqueio imediato no caso de compras à vista, já que não há o risco de roubo do smartphone.

Reação das empresas de telefonia

A Docomo já implementou a medida. A au e Softbank ainda não anunciaram as condições de contrato, já que as empresas não estão vendendo modelos novos desde maio deste ano. Como essa lista de regras será aplicada para os modelos novos, as 3 empresas de telefonia poderão adotar exatamente o mesmo sistema de desbloqueio.

O desbloqueio do cartão Sim permite que o cliente adquira planos de outras empresas sem precisar comprar outro aparelho, e também permite a utilização do aparelho no exterior, por exemplo usando cartões SIM pré-pagos econômicos.

Fonte: Mainichi Shimbun

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância