Algumas escolas no Japão retomam as aulas após fechamentos motivados pelo coronavírus

O Ministério da Educação pediu a conselhos educacionais em todo o país no dia 28 de fevereiro que fechassem suas escolas como parte de esforços para conter o surto, mas não era obrigatório.

Estudante escrevendo no quadro negro (ilustrativa/PM)

Algumas escolas do primário e do ginásio no Japão retomaram as aulas nesta segunda-feira (16), cerca de 2 semanas após fecharem suas portas para evitar a propagação do novo coronavírus.

Publicidade

O Ministério da Educação pediu a conselhos educacionais em todo o país no dia 28 de fevereiro que fechassem suas escolas como parte de esforços para conter o surto, mas não era obrigatório e foi deixado para as autoridades locais decidirem por quanto tempo a suspensão duraria.

Considerando que as infecções do vírus que causa pneumonia não se espalharam dentro de suas comunidades, os conselhos educacionais das cidade de Toyama, Shizuoka, Hamamatsu e Naha, assim como da província de Okinawa decidiram por fim aos fechamentos nas escolas que operam.

Os fechamentos de escolas afetaram de forma significativa as vidas das crianças e de seus pais.

De acordo com uma pesquisa anterior da Kyodo, 18 conselhos educacionais vinham planejando reabrir escolas nesta segunda-feira. Treze deles, entretanto, decidiram agora estender seus fechamentos até o recesso de primavera, que normalmente se encerra no início de abril.

Os 13 são conselhos educacionais das cidades de Sapporo, Saitama, Yokohama, Osaka, Sakai, Kobe, Saga e Miyazaki, e das províncias de Quioto, Hyogo, Kumamoto, Saga e Kagoshima.

Muitos outros conselhos educacionais no país anunciaram desde o início que manteriam suas escolas fechadas até o recesso de primavera.

Enquanto isso, a província de Shimane e a cidade de Matsue não fecharam suas escolas.

Fonte: Mainichi

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Dior e Givenchy vão produzir higienizadores à base de álcool

Publicado em 16 de março de 2020, em Notícias do Mundo

As famosas marcas de perfumes Dior e Givenchy produzirão higienizadores de mãos gratuitamente para as autoridades da saúde francesas.

A Dior e a Givenchy querem ajudar as autoridades da saúde francesas ao fabricar antissépticos para as mãos e fornecê-los gratuitamente (ilustrativa/PM)

Com casos reportados do novo coronavírus na França chegando perto dos 4,5 mil com 91 mortes, algumas das marcas de luxo mais famosas do país estão mudando de perfume para antissépticos.

Publicidade

O conglomerado de produtos de luxo LVMH, a empresa matriz da Christian Dior, Guerlain e Givenchy, quer ajudar as autoridades da saúde francesas ao fabricar antissépticos para as mãos e fornecê-los gratuitamente a elas.

A LVMH usará todas as instalações de produção de suas marcas de perfumes e cosméticos para produzir grandes quantidades de gel hidroalcoólico, ou antisséptico higienizador de mãos, com início nesta segunda-feira (16).

Gel antisséptico higienizador de mãos será produzido pelas famosas marcas francesas de perfumes (ilustrativa/PM)

O gel será entregue às autoridades da saúde francesas e ao Assistance Publique- Hospitaux de Paris, uma rede de 39 hospitais universitários que trata mais de 8 milhões de pacientes por ano, de acordo com seu site.

“Através dessa iniciativa, a LVMH tem a intenção de ajudar a endereçar o risco da falta do produto na França e permitir que um número maior de pessoas tome a ação correta de se proteger da propagação do vírus”, disse a companhia em um comunicado de imprensa.

A medida da LVMH ocorre após a escassez generalizada de higienizadores de mãos em todo o globo. Nos EUA, o governador de Nova Iorque Andrew Cuomo anunciou na semana passada que o estado produziria seus próprios produtos ao empregar presidiários.

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças – CDC diz que lavar as mãos com água e sabão é a melhor maneira de prevenir a transmissão do coronavírus. Para que o higienizador de mãos seja eficaz, ele deve ter pelo menos 60% de álcool, de acordo com o CDC.

Fonte: CNN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!