Homem no Zimbábue tem 16 esposas e 151 filhos

Publicado em 13 de maio de 2021, em Sociedade

Misheck Nyadoro, de 66 anos, diz que tem 151 filhos e se prepara para se casar com sua 17ª companheira.

Um pai de 151 filhos afirma que “não trabalha” porque seu trabalho em tempo integral é “satisfazer” suas 16 esposas.

Misheck Nyandoro, de 66 anos, diz que dorme com 4 de suas esposas todas as noites e está até se preparando para casar com sua 17ª companheira.

O aposentado veterano de guerra do Zimbábue ostentou sobre seu “projeto poligamia” que começou há 38 anos, dizendo ao jornal Herald: “o que estou fazendo aqui é completamente meu projeto”.

“Um projeto de poligamia que começou em 1983 e não tenho a intenção de parar até que a morte me leve”.

Se ele conseguir isso, o “marido em série” disse que casaria com 100 mulheres e teria mil filhos.

Ele também afirma que não sente o peso financeiro de ter mais de 150 filhos e diz que na verdade se beneficia da família gigante. “Meus filhos me mimam”, disse ele. “Sempre recebo presentes e dinheiro dos meus filhos e enteados”.

A família depende principalmente de agricultura e recentemente alocou 93 hectares de terra perto das montanhas de Mvurwi.

Pelo menos 50 dos filhos de Nyandoro estão na escola em Mbire, Harare, Mutare e Guruve. Seis trabalham para o Exército Nacional do Zimbábue, dois pela policia, 11 outros estão empregados em diferentes profissões e 13 de suas filhas se casaram.

Pelo menos 23 de seus filhos são casados, um dos quais está seguindo os passos do pai, com uma contagem de quatro esposas.

Nyandoro começou seu grande projeto após a Guerra Civil da Rodésia, em que ele lutou pela independência do Zimbábue, porque queria ajudar a “reabastecer” a população.

Fonte: Metro

Neste Artigo:

Vamos comentar?


.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - Japão