Tailândia enfrenta onda de imigração ilegal após reabrir para turistas

A maioria foi pega entrando pelas fronteiras do norte e nordeste sem documentos válidos ou verificação apropriada para Covid-19.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A maioria dos ilegais estava seguindo para Bangkok em busca de emprego (NHK)

Desde 1º de novembro, quando a Tailândia reabriu para turistas estrangeiros, mais de 3 mil migrantes foram presos por entrada ilegal no país. A maioria estava seguindo para a capital, Bangkok, e províncias ao redor em busca de emprego.

Oficiais de segurança dizem que a maioria dos ilegais era de Myanmar e Camboja. Eles foram pegos entrando pelas fronteiras do norte e nordeste sem documentos válidos ou verificação apropriada para Covid-19.

No último fim de semana 40 migrantes cambojanos foram presos em Sa Kaeo, uma província ao leste de Bangkok. Autoridades dizem que eles pagaram um traficante para ajudá-los a entrar na Tailândia e que estavam em busca de trabalho em fábricas perto de Bangkok.

Oficiais da segurança temem que entradas sem quarentena poderiam causar um aumento de infecções por coronavírus no país. Autoridades estão intensificando pontos de verificação e patrulhas a pé ao longo de fronteiras.

Fonte: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Odakyu anuncia tarifa de ¥50 para as crianças

Publicado em 9 de novembro de 2021, em Sociedade

A companhia de trem informou que vai introduzir tarifa de passagem barata e única para as crianças, para apoiar as famílias.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Trens Odakyu (Wikimedia)

A Odakyu Electric Railway anunciou na segunda-feira (8) que, a partir da primavera de 2022, a tarifa para as crianças será fixada em 50 ienes, desde que use um cartão IC, independente do trecho.   

De acordo com a companhia, é a primeira empresa ferroviária no Japão a reduzir continuamente as tarifas de crianças para menos da metade das tarifas de adultos.

O público alvo são as crianças na faixa dos 6 aos 12 anos e estudantes do primário. Se a criança trafegar o trecho Shinjuku-Odawara pagaria 445 ienes, portanto, com essa nova tarifa a economia será de 90%. 

A companhia Odakyu quer apoiar as famílias na criação dos filhos. Por isso, além da introdução dos carrinhos para bebês compartilhados nas suas estações, vai criar um passe de ¥100 por dia para que os estudantes do primário possam se locomover à vontade nas suas linhas. 

Ainda, estão nos planos a organização de eventos e outras novidades a serem anunciadas no futuro em relação aos passes. 

Fontes: Mainichi e Tetsudo

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - Japão
Info para brasileiros de Mie-ken
Kumon - aprenda japonês e tenha oportunidades