Cluster na base americana em Okinawa aumenta para 186 infectados e 4 de ômicron

Além do aumento do cluster de infecção pelo coronavírus, foi confirmado mais um caso da variante ômicron em funcionário japonês.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Vista aérea do Camp Hansen, base americana em Kin (QAB)

O cluster no Camp Hansen, uma das bases americanas situada na cidade de Kin (Okinawa) aumentou para 186 no total, até segunda-feira (20), informaram o governador Denny Tamaki e Hirokazu Matsuno, secretário-chefe de gabinete do governo que esteve na província.

Publicidade

Na segunda-feira foram confirmados mais 31 testados positivo, aumentando ainda mais esse cluster. Além disso, mais um funcionário dessa base americana, um cidadão japonês, teve a confirmação da variante ômicron. Assim, já são 4 no total, todos japoneses.

O NIID-Instituto Nacional de Doenças Infecciosas também informou que a cepa ômicron foi transmitida porque os 3 japoneses trabalham na base americana, e um deles é cônjuge. Embora esses casos confirmados tenham relação com a base, há possibilidade da variante estar disseminada na província.

Na segunda-feira os 2 casos de infecção da província de Okinawa, um homem que reside na área central e uma mulher na faixa dos 70 que mora em Nago, são contatos próximos de uma das pessoas que teve confirmação da ômicron.

Medidas mais severas na base e teste PCR

Por causa desse cluster de infecção a transferência dos militares, dos EUA para Okinawa, está suspensa, e os que residem dentro do Camp Hansen estão proibidos de sair, sejam militares ou funcionários civis. O governador irá solicitar ao governo americano a realização do teste PCR em todos os militares, seus familiares e civis que lá trabalham.

Camp Hansen, base americana em Kin (Okinawa Times)

O governo de Okinawa ofereceu teste PCR gratuito aos japoneses que trabalham dentro dessa base. No total 612 atenderam ao teste nos dias 18 e 19.

O governador Tamaki disse em coletiva de imprensa na segunda-feira que “é bem possível que a fonte de infecção (ômicron) seja outra”, mas não descartou a hipótese de ter se espalhado dentro dessa base.

Tamaki teme que a variante ômicron se espalhe para fora da base, entre os residentes das cidades ao redor, o que é um balde de água fria para todo o esforço da população da província, a qual se esforçou para a queda dos números da epidemia. 

Fontes: QAB, Ryukyu Shimpo, Asahi e Mainichi

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Maior influencer da China é multada em US$210 milhões por sonegação fiscal

Publicado em 21 de dezembro de 2021, em Ásia

Pequim vem focando em indivíduos ricos e influentes como parte de esforços para estreitar a disparidade de riqueza.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Huang é conhecida por vender produtos em uma plataforma de transmissão direta (NHK)

Uma proeminente influencer na China foi multada cerca de 1,3 bilhão de yuans, ou mais de US$210 milhões, por sonegação fiscal.

Publicidade

Autoridades fiscais na província de Zhejiang disseram na segunda-feira (20) que Huang Wei evitou pagar cerca de US$100 milhões em impostos de 2019 a 2020 ao esconder rendimento pessoal, dentre outros métodos.

Huang é conhecida por vender produtos em uma plataforma de live streaming. Ela tem cerca de 90 milhões de seguidores.

Ela é a mais recente celebridade online a ser pega em uma repressão ampla do governo de sonegação de impostos. Outras duas pessoas que são influenciadoras na China também receberam uma multa combinada de cerca de US$14,5 milhões no mês passado.

Pequim vem focando em indivíduos ricos e influentes como parte de esforços para estreitar a disparidade de riqueza e atingir o que ela chama de “prosperidade comum”.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância