Amazon suspende vendas para Rússia e Bielorrússia, como também os serviços

Embora não tenha base na Rússia, suspendeu as vendas e os serviços. Além disso, está apoiando a Ucrânia de duas formas, veja quais.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Logo da Amazon (Pixabay)

A gigantesca companhia norte-americana Amazon informou, na terça-feira (8), sobre a suspensão das vendas para os clientes da Rússia e Bielorrússia, dada a atual situação da Ucrânia.

Publicidade

Também não aceitará novos clientes desses países na AWS-Amazon Web Services, plataforma de clouding ; tampouco vendedores terceirizados. O acesso ao Prime Video para clientes baseados na Rússia foram suspensos e não aceita mais pedidos do New World, o único videogame vendido diretamente na Rússia.

Explicou que não tem data centers na Rússia e nem infraestrutura naquele país, por isso, “temos uma política de longa data de não fazer negócios com o governo russo”, comentou.

Amazon apoia a Ucrânia

Imagem ilustrativa de hacking (PixaHive)

Em 28 de fevereiro a Amazon divulgou sobre a doação de 5 milhões de dólares às ONGs de apoio a Ucrânia, em uma campanha quando arrecadou metade desse valor com 10 mil funcionários. Disse que vai continuar dobrando as arrecadações dentro da companhia para repasse às entidades como Cruz Vermelha e Save the Children.

Outra forma de apoio para a Ucrânia é em relação à segurança cibernética. A Amazon emitiu um comunicado criticando a Rússia e outros, dizendo que está “monitorando as nações que estão tentando hackear“.

Fontes: ANN e release

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Choque entre dois caminhões fecha pista da Tomei por 10 horas

Publicado em 10 de março de 2022, em Acidentes

Um dos caminhões capotou na transversal fechando toda a pista e o que transportava se espalhou pelo asfalto.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Por volta das 7h ainda se retirava as caixas esparramadas (ANN)

Segundo informações da polícia, pouco depois da meia-noite de quinta-feira (10), uma carreta colidiu com um caminhão, ao trocar de faixa, e capotou, ficando na transversal.

Publicidade

O acidente foi na altura de Yamakita (Kanagawa), da via expressa Tomei, na pista em sentido a Tóquio. 

Como caiu bloqueando a pista, o tráfego teve que ser interrompido nesse trecho, até a retirada das centenas de caixas que se esparramaram sobre o asfalto, e também para remover os dois caminhões.

Os dois motoristas ficaram feridos, foram socorridos mas não correm risco de vida.  

O trecho entre Gotemba e Oi-Matsuda foi liberado por volta das 11h, depois da retirada da carga e dos dois caminhões, os quais foram guinchados.

Portanto, depois de 10 horas o tráfego na Tomei voltou ao normal.

Na foto aérea se vê os 2 caminhões na Tomei, às 4h (ANN)

Fonte: ANN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância