ANA lançará companhia aérea de baixo custo visando recuperação da pandemia

A AirJapan voará para a Ásia e Oceania partindo do Japão.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Um avião da AirJapan (NHK)

A ANA Holdings vai operar uma nova aérea de baixo custo (LCC – Low Cost Carrier), a AirJapan, que oferecerá voos do Japão para a Ásia no ano que vem, disse a companhia na terça-feira (8).

Publicidade

A medida ocorre quando operadoras japonesas buscam um novo condutor de ganhos para ajudá-las a se recuperarem da pandemia, que causou devastação da indústria.

Ao contrario de sua afiliada Peach Aviation, a qual tem foco em rotas domésticas e para o leste asiático, a AirJapan voará para outras partes da Ásia e Oceania.

Devido ao surto de coronavírus, que levou a restrições de viagem em muitos países, a AirJapan adiou seu plano original, anunciado em 2020, para iniciar voos neste ao.

O mercado de viagens aéreas do Japão ficou concorrido. Em dezembro, a rival da ANA, a Japan Airlines – JAL, lançou a companhia aérea do orçamento Zipair Tokyo, que opera voos entre o Aeroporto de Narita (Chiba) e Los Angeles.

Fonte: Asia Nikkei

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Erupção do vulcão não provoca tsunami no Japão

Publicado em 9 de março de 2022, em Notícias do Mundo

A AMJ estava analisando se haveria ou não efeito de tsunami no país após a erupção explosiva ocorrida no vulcão da Papua Nova Guiné.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem do satélite, às 19h10 de terça-feira, mostra a gigantesca pluma vulcânica (ANN)

A erupção ocorreu no vulcão Manam, em Papua Nova Guiné, por volta das 18h50 de terça-feira (8) do Japão.

Publicidade

A partir das imagens de satélite, a altura das cinzas vulcânicas atingiu cerca de 15 quilômetros e acredita-se que tenha sido de grande escala.

Em resposta a isso, a AMJ-Agência de Meteorologia do Japão estava chamando a atenção e investigando o impacto dessa erupção no país, como a possibilidade de tsunami, mas às 2h de quarta-feira (9) anunciou que não causou impacto.

Não há mudanças particulares em pontos de observação do tsunami no exterior no Oceano Pacífico em relação ao Japão, ou nas estações de marés que investigam mudanças nos níveis no país, informou a AMJ.

Fonte: ANN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância