Erupção do vulcão não provoca tsunami no Japão

A AMJ estava analisando se haveria ou não efeito de tsunami no país após a erupção explosiva ocorrida no vulcão da Papua Nova Guiné.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem do satélite, às 19h10 de terça-feira, mostra a gigantesca pluma vulcânica (ANN)

A erupção ocorreu no vulcão Manam, em Papua Nova Guiné, por volta das 18h50 de terça-feira (8) do Japão.

Publicidade

A partir das imagens de satélite, a altura das cinzas vulcânicas atingiu cerca de 15 quilômetros e acredita-se que tenha sido de grande escala.

Em resposta a isso, a AMJ-Agência de Meteorologia do Japão estava chamando a atenção e investigando o impacto dessa erupção no país, como a possibilidade de tsunami, mas às 2h de quarta-feira (9) anunciou que não causou impacto.

Não há mudanças particulares em pontos de observação do tsunami no exterior no Oceano Pacífico em relação ao Japão, ou nas estações de marés que investigam mudanças nos níveis no país, informou a AMJ.

Fonte: ANN

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Uniqlo mantém suas lojas na Rússia abertas

Publicado em 9 de março de 2022, em Notícias do Mundo

A Uniqlo tem 49 lojas na Rússia e enquanto vai ‘monitorar a situação’ ela não tem planos de suspender os negócios.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Uma loja da Uniqlo em shopping na cidade de São Petersburgo, na Rússia (banco de imagens)

O proprietário da Uniqlo defendeu sua decisão de manter suas lojas russas abertas, dizendo que roupas “são uma necessidade de vida”.

Publicidade

A Uniqlo tem 49 lojas na Rússia e enquanto vai “monitorar a situação” ela não tem planos de suspender os negócios.

Várias empresas ocidentais como Zara e H&M, suspenderam operações na Rússia por causa da guerra com a Ucrânia.

Entretanto, o fundador da Fast Retailing (operadora da Uniqlo), Tadashi Yanai, disse que a população da Rússia “tem o mesmo direito de viver como nós”.

Yanai disse ao jornal Nikkei, “Nunca deveria haver guerra. Todo país deveria se opor a isso”.

Mas ele disse, “Roupa é uma necessidade de vida. As pessoas da Rússia têm o mesmo direito de viver como nós”.

A Uniqlo não está sozinha em sua decisão de continuar suas operações na Rússia, apesar de várias empresas terem saído do país em reação a sua invasão da Ucrânia.

Muitas empresas internacionais que dependem de unidades de produção e bases de clientes na Rússia escolheram ficar no país.

Fonte: BBC

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância