Quatro fruticultores amargam roubo de 1,4 mil pêssegos

Com tanto trabalho para o cultivo de uma variedade especial de pêssegos, os fruticultores levaram um grande prejuízo com o roubo.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem ilustrativa de pêssego (Pixabay)

Na quarta-feira (15) a polícia informou sobre o roubo de 1,4 mil unidades de pêssegos no ponto de pré-colheita, de 4 propriedades situadas em Kasugai-cho Kuwado, cidade de Fuefuki (Yamanashi).

Publicidade

A polícia suspeita que tenham sido roubados entre as 11h de terça e 7h de quarta-feira, e foi aberta a investigação para procurar os ladrões. 

Essa variedade de pêssego foi desenvolvida desde o final da década de 70, com formato arredondado e é cultivada em Yamanashi, chamada de Hikawa Hakuho (日川白鳳).

Cada pêssego tem cerca de 200 a 250 gramas, com elevado grau de doçura e baixo teor de acidez, o que o torna atraente para os consumidores.

Os quatro fruticultores, na faixa dos 60 anos, lamentam pelo roubo, pois tiveram um prejuízo de cerca de 420 mil ienes. 

Fontes: UTY e Foodslink

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Prisão centenária em Nara será transformada em hotel de luxo

Publicado em 16 de junho de 2022, em Conhecendo o Japão

A Prisão de Nara, construída em 1908, é designada como uma importante propriedade cultural pelo governo central.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A fachada (à esq.) e um dos prédio internos (à dir.) da Prisão de Nara (Wikimédia Commons/663highland)

O Hoshino Resorts quer que aqueles entrando em uma prisão centenária em Nara não se entretenham com quaisquer pensamentos de escapada, mas sim desfrutem de suas estadas.

Publicidade

A companhia se comprometeu a reabilitar a antiga Prisão de Nara em uma acomodação de luxo de “primeira classe”, revelando o panorama do primeiro “hotel prisão” do Japão.

Yoshiharu Hoshino, CEO do Hoshino Resorts, disse em uma coletiva de imprensa na antiga prisão em 31 de maio que a companhia planeja iniciar o trabalho de renovação no outono e abrir o hotel no verão de 2024.

Nove solitárias serão convertidas em um único quarto de hóspedes. Um total de 48 recintos serão criados no primeiro e segundo andares.

Os cinco prédios de detenção que abrigavam presos estão organizados em uma configuração em formato de leque que se espalha a partir do centro. Um dos prédios será deixado como está para ser transformado em museu, que será aberto para hóspedes e visitantes.

A Prisão de Nara, construída em 1908, é designada como uma importante propriedade cultural pelo governo central. Ela foi usada até 2017 para acomodar delinquentes juvenis. A instalação antiga vem passando por melhorias, envolvendo resistência a terremotos, desde que foi fechada.

Fonte: Asahi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância