República Democrática do Congo anuncia fim de surto de ebola

‘Graças à resposta robusta de autoridades nacionais, esse surto foi encerrado com transmissão limitada do vírus’, disse diretor da OMS para a África.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Tubos de teste de sangue com resultado positivo para ebola (ilustrativa/banco de imagens)

A República Democrática do Congo (RDC) declarou na segunda-feira (4) o fim de seu mais recente surto de ebola.

Publicidade

O mais recente surto ocorreu em Mbandaka e foi o terceiro na província desde 2018, e o 14º do país em geral no mês nesse período.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) atribuiu o sucesso na luta contra o mais recente surto à experiência da RDC no controle do ebola, equipes nacionais de emergência e suporte de parceiros.

O surto foi anunciado em 23 de abril deste ano, e foi visto como um retrocesso no país que havia executado uma luta extensa contra a doença mortal.

“Graças à resposta robusta de autoridades nacionais, esse surto foi encerrado com transmissão limitada do vírus”, disse o Dr. Matshidiso Moeti, diretor regional da OMS para a África.

Fonte: CGNT

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Tufão Aere se transforma em ciclone extratropical e continua sendo a causa de chuva intensa

Publicado em 5 de julho de 2022, em Tempo

Embora o quarto tufão tenha se transformado em ciclone extratropical, requer atenção pois causa chuva pesada.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem meramente ilustrativa de inundação causada pela chuva (PixaHive)

Desde setembro do ano passado um tufão não passava diretamente sobre o arquipélago do Japão. Depois de ter causado chuva muito forte em Okinawa no sábado (2), o lento Aere cobriu a província de Nagasaki por volta das 6h de terça-feira (5). 

Publicidade

Na área da cidade de Unzen (Nagasaki) o índice pluviométrico foi de 120mm em uma hora, ao ponto de gerar alerta, por causa desse tufão.

Antes do amanhecer o risco de desastre aumentou sensivelmente na província de Kochi por causa da chuva pesada. 

De tufão a ciclone extratropical

A Agência de Meteorologia do Japão (AMJ) informou às 9h53 que o tufão Aere se transformou em ciclone extratropical às 9h de terça-feira, mas continuará sendo a causa da chuva intensa, incluindo a região Tokai. Veja a previsão até as 6h de quarta-feira (6).

  • até 250mm em Shikoku e Kinki
  • até 200mm em Tokai
  • até 150mm no norte de Kyushu
  • até 120mm no sul de Kyushu

A recomendação da AMJ é ficar atento aos avisos e alertas, pois poderão ocorrer desastres como deslizamentos e inundações.

Fontes: AMJ, News Digest, ANN e Sankei

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência