Okinawa: turistas embarcam no avião mesmo testando positivo para covid

Situação continua crítica em Okinawa. 100% de ocupação de leitos e falta de profissionais

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem: ANN

As férias de obon sem restrições de covid estão próximas ao fim. Devido ao aumento do número de pacientes com coronavírus, não há ambulâncias suficientes na região de Kanto, e bombeiros estão atendendo os pacientes em algumas situações. Em Okinawa, que recebe muitos turistas, há muitas pessoas que testam positivo para covid, mas embarcam no avião para voltar para casa, o que está preocupando autoridades.

Publicidade

Okinawa enfrenta uma situação preocupante. A taxa de ocupação de leitos atingiu os 95,5% em toda a província, e passou dos 100% na ilha principal de Okinawa.

Diversos hospitais relatam que não tem espaço para internação de novos pacientes. Para atender o maior número de pessoas, alguns hospitais estão utilizando os leitos comuns e as UTIs para tratamento do coronavírus, mas, mesmo assim, estão chegando no limite.

Está ficando difícil atender pacientes que não estão com covid“, comenta o médio Morikuni Nishihara, do centro de prevenção contra covid do Centro Médico Yuai.

“Tenho medo de um dia ter que ser levada de ambulância, e nenhum hospital me receber.”, disse uma residente de Okinawa para o noticiário da ANN.

Na Ilha de Ishigaki, há um número crescente de casos em que turistas com sintomas testam positivo para covid em testes PCR. Esses turistas são enviados para o hotel utilizado pelas autoridades para tratamento e controle da pandemia. O hotel, com 55 quartos, hospeda 35 pessoas, que estão em tratamento médico, o que representa uma taxa de ocupação de 63,6%. Cerca de 80% dos hóspedes são de pessoas de outras províncias.

As autoridades de Ishigaki relatam um novo problema. “Algumas pessoas que apresentaram sintomas e fizeram o teste, embarcam no avião de volta sem esperar o resultado“, disse médico do Hospital Kariyushi.

“Há a possibilidade (de essa pessoa) contaminar as outras no avião. Por uma questão de boas maneiras, peço que não façam isso. Você veio para o teste e, se deu positivo, provavelmente pensou que não poderia ir para casa. Eu gostaria que você viesse com o entendimento de que ficará em quarentena por 10 dias e se recuperará, e então será liberado do isolamento”, completa o médico, preocupado com que a variante BA.2.75 se espalhe em todo o país.

Fonte: ANN

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Panasonic aumentará produção de baterias para veículos elétricos da Tesla

Publicado em 16 de agosto de 2022, em Notícias do Mundo

A Panasonic aumentará a produção de baterias para veículos elétricos que ela fornece para a Tesla em cerca de 10% até 2024.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Sede da Panasonic Corporation em Osaka (ilustrativa – Wikimédia Commons/Pokarin)

A Panasonic Holdings aumentará a produção de baterias para veículos elétricos que ela fornece para a Tesla em cerca de 10% até 2024.

Publicidade

A companhia japonesa anunciou em julho que também construirá sua segunda fábrica de baterias de veículos elétricos nos EUA, no estado do Kansas, mas ela não deve operar até 2024.

A Panasonic planeja atender a demanda aumentada de baterias nesse intervalo de tempo ao enviar supervisores de produção do Japão para sua fábrica existente nos EUA e melhorar a eficiência no local.

A companhia produzirá mais células de baterias 2170 que são usadas no emblemático Model 3 da Tesla e outros modelos.

A Tesla abriu uma nova fábrica de veículos elétricos no Texas em abril, e planeja aumentar a produção global em 20 vezes até 2030 comparada a 2021.

A Panasonic já produz baterias para a Tesla em sua fábrica na província de Osaka, onde ela tem muitos engenheiros.

A companhia planeja aumentar a eficiência de produção de suas plantas dos EUA “para alcançar o nível de nossas fábricas domésticas” ao transferir know-how, disse um executivo.

Fonte: Asia Nikkei

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência