China certifica modelo C919 para competir com a Airbus e Boeing

A China busca aumentar sua autonomia tecnológica em meio a tensões comerciais.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem do C919 tirada no Aeoroporto Internacional de Pudong em Xangai no ano de 2017 (Wikimedia Commons/Weimeng at www.airliners.net)

A China realizou uma cerimônia na quinta-feira (29) para certificar seu avião de passageiros de fuselagem estreita C919, mostraram fotos na mídia social, representando um grande marco nas ambições do país em desafiar a Airbus e a Boeing no espaço aéreo comercial.

Publicidade

Esperava-se amplamente que o avião, produzido pela fabricante estatal Commercial Aircraft Corp of China (COMAC), fosse certificado até o fim do mês após duas aeronaves terem voado para Pequim em 13 de setembro.

O C919, lançado há 14 anos e desenvolvido para transportar até 168 passageiros, competirá com o popular Airbus A320neo e a família do Boeing 737 MAX enquanto a China busca aumentar sua autonomia tecnológica em meio a tensões comerciais.

Embora o avião seja montado na China, ele depende pesadamente de componentes do Ocidente, incluindo motores e aviônicas, de companhias incluindo a GE, Safran e Honeywell International.

O tipo de certificação concedida na quinta-feira significa que o C919 pode ser entregue ao primeiro cliente, a China Eastern Airlines Corpo Ltd, embora a mídia local tenha reportado que é improvável que o avião entre em serviço comercial com passageiros até o próximo ano.

Fonte: Channel News Asia

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Tufão Roke muda curso e se afasta da costa do Japão

Publicado em 30 de setembro de 2022, em Tempo

Se pretende passar o final de semana no litoral convém verificar as condições pela influência do tufão.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Com a mudança de curso, o tufão n.º 18 se afastou da costa (Yahoo!)

O 18.º tufão do ano mudou o curso previsto, segundo a Agência de Meteorologia do Japão (AMJ) e deverá prosseguir distante da costa do Pacífico.

Publicidade

A AMJ informou na manhã de sexta-feira (30) que o tufão Roke ganhou potência, sendo classificado em forte, com 975hPa de pressão atmosférica central. Aumentou um pouco sua velocidade e se move a 30km/h, paralelo à costa do Oceano Pacífico, mas bem distante.

Embora se preveja que não cause nenhum dano no arquipélago principal, poderá ser danoso para a Ilha Hachijo, administrada por Tóquio. 

Deverá causar elevação das ondas na costa do Pacífico, por isso, é preciso ficar atento. Antes de querer desfrutar de esportes aquáticos no mar, no final de semana, a sugestão é verificar as condições.

A média de tufões em setembro é 5, no entanto, são 7 com o Roke. Em outubro ainda continua a temporada, com média anual de 3,4.

Fontes: AMJ, Yahoo! e Tenki

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância