Copa do Mundo: Arábia Saudita anuncia feriado nacional após vencer Argentina

Fãs de futebol na Arábia Saudita celebraram uma vitória histórica contra a Argentina em jogo da Copa do Mundo.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A Arábia Saudita venceu a Argentina por 2 a 1 (FIFA)

A Arábia Saudita declarou feriado nacional após a vitória histórica de sua equipe sobre a Argentina na Copa do Mundo no Catar.

Publicidade

A nação rica em petróleo impressionou fãs por todo o globo com uma vitória notável de 2 a 1 na terça-feira (22).

O Rei da Arábia Saudita, Salman, anunciou o dia de folga para seus 35 milhões de cidadãos celebrarem o jogo importante de forma apropriada.

Lionel Messi, de 35 anos, abriu o placar para a Argentina no que é provavelmente sua última chance de conquistar a Copa do Mundo antes de se aposentar.

Mas a Arábia Saudita concluiu uma volta incrível em um dos maiores sobressaltos na história do torneio.

Fãs sauditas celebraram ao fazer a marca registrada de Ronaldo, a ‘Siu” em frente a argentinos desolados no lado de fora do estádio Lusail.

Ronaldo e Messi são comumente considerados os dois melhores atuais jogadores no mundo e suas conquistas são frequentemente comparadas.

Fonte: Metro UK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

HP demitirá 6 mil funcionários após declínio na demanda por computadores

Publicado em 23 de novembro de 2022, em Notícias do Mundo

A Hewlett-Packard eliminará cerca de 6 mil empregos ao longo dos próximos 3 anos em meio a um declínio na demanda por computadores.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Para gerenciar custos, a HP cortará cerca de 10% de sua força de trabalho global (banco de imagens)

A HP (Hewlett-Packard) sediada em Palo Alto, na Califórnia, EUA, disse na terça-feira (22) que eliminará cerca de 6 mil empregos ao longo dos próximos 3 anos em meio a um declínio na demanda por computadores que reduziu os lucros.

Publicidade

A previsão assume um declínio de 10% nas vendas de computadores no ano fiscal, disse o diretor presidente Enrique Lores em uma entrevista. “Esperamos um ambiente de mercado desafiador”, disse.

A HP, que tem grande parte de seus lucros ao vender computadores, vem navegando em uma queda sustentada na demanda.

A empresa de consultoria Gartner disse que os envios globais de computadores caíram em quase 20% no terceiro trimestre, a maior queda desde meados dos anos 1990, quando a métrica começou a ser analisada.

Para gerenciar custos, a HP cortará cerca de 10% de sua força de trabalho global de 61 mil funcionários nos próximos 3 anos, disse Lores.

A companhia incorrerá aproximadamente US$1 bilhão em gastos com reestruturação, com cerca de 60% no ano fiscal de 2023, que começou neste mês. Até o fim do ano fiscal de 2025, o plano deve economizar cerca de US$1,4 bilhão por ano, disse a HP em uma declaração.

A HP, que também vende impressoras, buscará investir em novas linhas de negócios como serviços de assinatura.

Fonte: Japan Times

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância