Coreia do Norte dispara míssil de longo alcance nesta sexta-feira

Coreia do Norte volta a fazer lançamento de míssil nesta sexta-feira. Segundo a Coreia do Sul, trata-se que um ICBM.

Disparo de míssil intercontinental nesta sexta-feira pela Coreia do Norte (NHK)

A Coreia do Norte disparou o que pareceu ser um míssil balístico intercontinental (ICBM) na direção leste nesta sexta-feira (18), disse uma fonte da defesa na Coreia do Sul.

Publicidade

O Estado Maior Conjunto da Coreia do Sul (JCS) anunciou antes que o Norte havia lançado um míssil balístico não especificado sem fornecer detalhes imediatamente.

A análise antecipada das forças armadas indica que se trata de um ICBM, de acordo com a fonte que falou sob condição de anonimato.

Na quinta-feira (17), o ministro de Relações Exteriores norte-coreano, Choe Son-hui, alertou que Pyongyang tomaria ações militares “mais exacerbadas” se os EUA intensificarem seu comprometimento de “dissuasões estendidas” a aliados regionais.

O Norte então lançou um míssil de curto alcance em direção ao Mar do Leste.

Dissuasão estendida se refere ao comprometimento da América em usar uma ampla variedade de suas capacidades militares, tanto convencionais quanto nucleares, para defender seus aliados.

Míssil norte-coreano caiu na ZEE do Japão

O Ministério da Defesa do Japão, assim como a Coreia do Sul, confirmou o lançamento de míssil do Norte.

O primeiro-ministro do Japão, Fumio Kishida, diz que o míssil norte-coreano caiu em águas a oeste da província de Hokkaido. Aparentemente, não houve danos a aviões ou embarcações.

O Estado Maior Conjunto da Coreia do Sul estimou que a Coreia do Norte disparou o míssil balístico intercontinental (ICBM) às 10h18 desta sexta-feira.

Só neste ano, a Coreia do Norte já realizou 34 lançamentos de mísseis.

A Coreia do Norte vem lançando mísseis a uma frequência sem precedentes. O país disparou um míssil balístico na quinta-feira (17). Segundo o Ministério da Defesa do Japão, o míssil caiu em águas ao leste da península coreana.

Fonte: Yonhap

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

CEO da Amazon diz que demissões continuarão em 2023

Publicado em 18 de novembro de 2022, em Notícias do Mundo

Andy Jassy, CEO da Amaozon, disse que os cortes de empregos na gigante do e-commerce continuariam até o início do próximo ano.

Depósito da Amazon em Lyon, na França (banco de imagens)

O CEO da Amazon, Andy Jassy, disse que os cortes de empregos na gigante do e-commerce continuariam até o início do próximo ano, em seus primeiros comentários públicos desde que a companhia iniciou demissões disseminadas nesta semana.

Publicidade

“Nosso processo de planejamento anual se estende no novo ano, o que significa que haverá mais reduções de cargos enquanto líderes continuam a realizar ajustes”, escreveu Jassy em uma carta aos funcionários na quinta-feira (17).

Jassy disse que a companhia “ainda não concluiu exatamente quantos outros papéis serão impactados” pelas demissões, mas acrescentou que “cada líder comunicará a suas respectivas equipes quando os detalhes forem definidos”.

A Amazon confirmou na quarta-feira (16) que as demissões haviam começado na companhia, apenas dias após vários veículos de notícias terem divulgado que a gigante do e-commerce planejava cortar cerca de 10 mil funcionários nesta semana.

Outras empresas de tecnologia e a Amazon aumentaram a contratação de forma significativa nos últimos anos porque a pandemia de Covid mudou os hábitos dos consumidores em relação ao e-commerce.

Agora, muitas dessas empresas de tecnologia aparentemente intocáveis estão vivenciando uma contusão e demitindo milhares de funcionários porque as pessoas estão voltando aos hábitos pré-pandemia e condições macroeconômicas se deterioraram.

A Meta, dona do Facebook, anunciou recentemente 10 mil demissões, a maior na história da companhia.

O Twitter também anunciou na quarta-feira demissões disseminadas após Elon Musk ter comprado a companhia por US$44 bilhões.

Fonte: CNN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros