Inglaterra deporta mais de 400 espiões russos

O chefe da agência de inteligência britânica MI5 revelou que mais de 400 pessoas suspeitas de serem espiões russos foram expulsas da Europa este ano.

Imagem: NHK

Em coletiva realizada no dia 16 deste mês pelo MI5, serviço de inteligência doméstico britânico, o Diretor Geral Kenneth McCallum explicou as ameaças à segurança ao Reino Unido e internacional.

Publicidade

McCallum comenta que mais de 600 pessoas, incluindo funcionários de agências governamentais russas, foram expulsas de países europeus este ano. Acredita-se que mais de 400 delas estavam envolvidas em espionagem. “Foi o maior golpe (que demos) à agência de inteligência russa nos últimos anos”, disse o diretor.

Ele enfatizou a necessidade de vigilância, dizendo que o regime de Putin na Rússia ainda está tentando exercer influência por meio de métodos como assassinatos, ataques cibernéticos e disseminação de desinformação.

Além disso, a China e o Irã também são citados como ameaças, e dentre estas, McCallum enfatiza a China, que, além de abordar parlamentares e jovens servidores públicos, está manipulando a opinião pública por meio da polícia chinesa e escritórios locais para criar uma situação vantajosa.

“Essas atividades provavelmente aumentarão à medida que o presidente Xi Jinping consolidar seu poder”, alertou o diretor.

Fonte: NHK

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Trem descarrila em Tóquio e causa suspensão de linhas por mais de 10 horas

Publicado em 18 de novembro de 2022, em Acidentes

Trem descarrila em estação de Tóquio e gera suspensão de linhas por mais de 10 horas.

Imagem: NHK

Por volta das 10h21 de quinta-feira (17), um trem de 8 vagões descarrilou nas instalações da Estação Keisei Takasago da Keisei Electric Railway em Katsushika (Tóquio).

Publicidade

Este trem chegou à Estação Keisei Takasago, por volta das 10h10, e após deixar os passageiros, o último vagão do trem descarrilou quando estava prestes a entrar na garagem.

Não havia passageiros a bordo e o motorista não se feriu.

De acordo com o Ministério da Terra, Infraestrutura, Transporte e Turismo, o local onde ocorreu o descarrilamento era um “ponto” utilizado para troca de pista. “Quando ia colocar o trem na garagem, eu entrei na pista errada. Por isso, quando eu tentei dar ré, o interruptor ferroviário foi danificado e o trem descarrilou”, comenta o condutor.

O ministério instruiu a Keisei Electric Railway a investigar a causa do acidente e evitar a reincidência.

Como resultado deste acidente, as linhas Keisei Electric Railway e Keisei Narita Skyaccess ficaram suspensas por mais de 10 horas, afetando o acesso ao aeroporto de Haneda e ao aeroporto de Narita.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância