Descoberta a causa da coceira da dermatite atópica: rumo aos medicamentos

Com essa descoberta acende-se a luz da esperança para o desenvolvimento dos medicamentos para aliviar mais de 1 milhão de pacientes no Japão.

Imagem ilustrativa de dermatite atópica ou atopy (Wikimedia)

Um grupo de pesquisa liderado pelo professor Kenji Izuhara, da Faculdade de Medicina da Universidade de Saga, Departamento de Alergias, anunciou a descoberta de um composto que melhora os sintomas da coceira da dermatite atópica, chamada de atopy em inglês e japonês. 

Publicidade

Informou que trabalhará no desenvolvimento de novos medicamentos em cooperação com as empresas farmacêuticas.

O principal sintoma da dermatite atópica é o eczema pruriginoso, que pode levar a falta de concentração e insônia. De acordo com uma pesquisa de 2020 do Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar do Japão (MHLW), o número de pacientes é estimado em cerca de 1,25 milhão.

Em experimentos com camundongos, o grupo de pesquisa esclareceu o mecanismo pelo qual a proteína periostina contida no tecido da pele se liga a outra proteína, estimulando os nervos sensoriais que levam à coceira.

Além disso, foi confirmado que o composto CP4715, que estava sendo desenvolvido por outra empresa farmacêutica para outros usos além da dermatite, evita a ligação e suprime os sintomas. O grupo de pesquisa solicitou uma patente sobre os efeitos desse composto.

O professor Izuhara disse: “Muitos dos pacientes são crianças e jovens, e isso afeta suas vidas diárias. É importante preparar medicamentos e aumentar as opções de tratamento“.

Fontes: Yomiuri e ANN

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Japan Post lançará selos com códigos QR para acessar música

Publicado em 12 de janeiro de 2023, em Sociedade

O código QR é revelado quando um tipo de lacre é retirado do selo. As pessoas que escaneiam o código terão acesso a 39 músicas no Spotify.

Os selos estarão disponíveis a partir de 15 de fevereiro de 2023 (NHK)

O Japan Post Co. planeja lançar selos com códigos QR que podem ser escaneados para acessar música em um serviço de streaming popular.

Publicidade

Os selos, que são os primeiros do tipo no Japão, estarão disponíveis a partir de 15 de fevereiro, anunciou o Japan Post em 6 de janeiro.

O código QR é revelado quando um tipo de lacre é retirado do selo. As pessoas que escaneiam o código terão acesso a 39 músicas no serviço de streaming Spotify, incluindo hits dos anos 1960 selecionados pelo Japan Post.

Um selo com código QR que pode ser escaneado para acessar música em um smartphone (Yomiuri)

Margaridas rosas, que no Japão são associadas à gratidão, são ilustradas nos selos. O Japan Post espera que o design ajude a aumentar a demanda para envio de cartas antes da temporada de graduação e início do ano escolar.

“Para aquelas pessoas que estão se aproximando de um momento de decisão nessa primavera, esperamos que elas usem os selos para transmitir seus sentimentos a outros”, disse um representante da Japan Post.

Uma folha com 3 selos de ¥84 custa ¥500, incluindo imposto.

Fonte: Yomiuri

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância