Toyota limita pedidos para Lexus no Japão devido à escassez de chips

Como é esperado que a escassez de componentes, incluindo semicondutores, continue neste ano, a Toyota estabeleceu um limite no número de pedidos alocados para cada concessionária no Japão.

Um modelo Lexus da Toyota (ilustrativa/banco de imagens)

A Toyota Motor está limitando pedidos de seu carro de luxo Lexus no Japão, conforme o site Asia Nikkei.

Publicidade

Como é esperado que a escassez de componentes, incluindo semicondutores, continue neste ano, a companhia estabeleceu um limite no número de pedidos  para cada concessionária.

Um sistema para compartilhar informações sobre datas de entrega com até 2 anos de antecedência com concessionárias será implantado nesta primavera a fim de garantir envios estáveis de pedidos.

O limite de pedidos pode levar a perdas de oportunidades de vendas, tornando-se crucial reconstruir a rede de fornecimento.

É raro para uma montadora limitar pedidos para uma ampla variedade de modelos de carros.

A Toyota estabilizou limites de pedidos para 9 modelos sob a marca Lexus no Japão. O número de limites varia por concessionária, e assim que é esgotado, mais nenhum pode ser recebido.

Atrasos na entrega devido a escassez de peças são mais graves para carros de luxo que usam muitos semicondutores.

Modelos Lexus usam mais de mil, várias centenas a mais do que um carro típico da Toyota. Há uma escassez de chips para várias aplicações incluindo chaves de acesso inteligente para trancar o veículo e semicondutores para equipamento de áudio.

A Toyota não revelou o volume de produção dos veículos Lexus, mas eles são fabricados principalmente em plantas nacionais e o lucro por automóvel é de aproximadamente 1,5 milhão de ienes.

Fonte: Asia Nikkei

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Quarta-feira: 125 mil novos casos de coronavírus no Japão

Publicado em 18 de janeiro de 2023, em Sociedade

Foram 73 mil novos casos a menos do que na quarta-feira da semana anterior.

SARS-CoV-2 (CDC)

O Japão teve 125.108 testados positivo para o novo coronavírus na quarta-feira (18), aumentando a soma cumulativa para 31.722.918 pessoas infectadas nesta epidemia.

Publicidade

Nos aeroportos foram 9 passageiros, totalizando 13.427 nesta epidemia.

O pico da 8.ª onda de infecção foi em 6 de janeiro, quando o total foi de 246,6 mil novos casos, inferior ao da 7.ª onda com 261 mil.

8 ondas de infecção do coronavírus até 18 de janeiro (NHK)

As províncias com maiores números são as listadas abaixo.

  1. Tóquio: 9.187
  2. Aichi: 8.573
  3. Shizuoka: 6.516
  4. Kanagawa: 6.496
  5. Fukuoka: 6.473

São 689 pacientes em estado grave, em tratamento da covid no país, tanto na UTI quanto necessitando de ventilação mecânica, 1 a menos do que no dia anterior.

O dia teve 449 óbitos pela covid, elevando a soma cumulativa para 63.769 mortes nesta epidemia.

Gráficos dos óbitos nas 8 ondas (NHK)

Veja os dados dos testados positivo, por província no Japão.

REGIÃO
PROVÍNCIA TOTAL
Hokkaido 2.645
Tohoku
Aomori 706
Iwate 833
Miyagi 1.799
Akita 507
Yamagata 721
Fukushima 1.761
Kanto
Ibaraki 3.437
Tochigi 1.798
Gunma 1.827
Saitama 5.599
Chiba 5.596
Tóquio 9.187
Kanagawa 6.496
Hokuriku
Niigata 1.408
Toyama 726
Ishikawa 1.020
Fukui 986
Koshin
Yamanashi 1.055
Nagano 2.557
Tokai
Gifu 2.319
Shizuoka 6.516
Aichi 8.573
Mie 3.751
Kinki
Shiga 1.548
Quioto 2.384
Osaka 8.246
Hyogo 6.987
Nara 1.577
Wakayama 1.525
Chugoku
Tottori 833
Shimane 679
Okayama 2.541
Hiroshima 4.461
Yamaguchi 1.613
Shikoku
Tokushima 1.021
Kagawa 1.187
Ehime 1.374
Kochi 657
Kyushu
Fukuoka 6.473
Saga 1.065
Nagasaki 1.476
Kumamoto 2.018
Oita 1.519
Miyazaki 1.447
Kagoshima 1.948
Okinawa 706
TOTAL GERAL 125.108
Fontes: MHLW e NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros