Sobe o número de PMEs que querem dar aumento salarial aos funcionários

A pesquisa mostra que as PMEs querem dar aumento salarial aos seus trabalhadores por causa de 2 motivos importantes.

Contra-cheque do salário (Flickr)

Uma pesquisa com as pequenas e médias empresas (PMEs) conduzida pela Câmara de Comércio e Indústria do Japão constatou que quase 60% responderam que planejam oferecer aumento salarial aos seus funcionários. Isso mostra um aumento de mais de 12 pontos percentuais em relação à pesquisa realizada no ano passado.

Publicidade

A pesquisa teve como amostra cerca de 6 mil PMEs do país e mais de 3,3 mil responderam.  

Entre elas, 58% das responderam positivamente em relação ao aumento a partir do próximo ano fiscal (1.º de abril). A maioria (58%) dessas empresas que irão conceder aumento calcula 2% ou mais, enquanto 19% pretende elevar em 4% ou mais.

Por outro lado, 41% das empresas responderam que irão melhorar o salário-base.

“Podemos ver que as PMEs estão dispostas a aumentar os salários devido à elevação do custo de vida e também para assegurar que seu pessoal continue em meio à escassez da mão de obra. Mas, há empresas que desejam aumentar os salários, mas não conseguem fazê-lo”, analisou um porta-voz da Câmara de Comércio e Indústria do Japão.

Fonte: NHK

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Barco de turismo em Quioto vira: dos 3 desaparecidos um morre

Publicado em 28 de março de 2023, em Acidentes

O barco com 19 turistas a bordo e 4 barqueiros virou no rio com uma correnteza bem forte, durante um passeio turístico.

Barco que levava os turistas para uma aventura sobre a corredeira (YTV)

As corredeiras do Rio Hozu (Hozugawa) são famosas pelos turistas que gostam de adrenalina. São 16 quilômetros de muita emoção a bordo do barco que parte da cidade de Kameoka até Arashiyama, na cidade de Quioto (província homônima). Nas diferentes estações do ano os turistas podem apreciar a bela paisagem das margens, como sakura e folhas de outono.

Publicidade

Por volta das 11h30 de terça-feira (28), entrou um telefonema no 119 pedindo socorro porque o barco virou. Havia 19 passageiros a bordo, incluindo 3 crianças, e 5 barqueiros, os quais caíram no rio depois que a embarcação chocou contra uma rocha.

Um dos turistas foi socorrido e internado, 5 conseguiram nadar e chegar à margem do rio, o barqueiro foi encontrado inconsciente e morreu, 3 passageiros ficaram feridos e os demais se encontram bem, pois todos colete salva-vidas. Mas, os bombeiros estão conferindo se não falta ninguém porque inicialmente o comunicado era de 3 desaparecidos.

Como o rio estava mais cheio do que o normal por causa da chuva do dia anterior, a empresa operadora decidiu acrescentar mais um barqueiro, pois normalmente o passeio é feito em 4. 

Essa aventura na corredeira é muito popular e foi retomado para a temporada de 2023 em 12 deste mês, depois do grande intervalo de 3 anos por causa da pandemia. 

Em geral, o tempo do trajeto para descer os 16 quilômetros é de cerca de 2 horas. Segundo a polícia, quando aconteceu o acidente fazia cerca de meia hora que haviam partido.

Assista ao vídeo do local do acidente, gravado pelo jornal Asahi.

https://youtu.be/3K1DIe_7Icw

Fontes: YTV, Sankei, ANN, FNN e Asahi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!