Fumaça tomou conta de estação em Tóquio

A fumaça tomou conta da estação em Tóquio na tarde de ontem (28), fazendo com que a operadora ferroviária interrompesse as operações temporariamente.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A fumaça tomou conta da estação em Tóquio na tarde de ontem (28), fazendo com que a operadora ferroviária interrompesse as operações temporariamente (ANN)

A fumaça tomou conta da estação de Shinjuku da JR em Tóquio por volta das 14h20 de segunda-feira (28), fazendo com que a operadora ferroviária interrompesse a operação na linha Yamanote temporariamente.

Publicidade

De acordo com a unidade de Shinjuku do Departamento de Polícia Metropolitana e outras fontes, a causa da fumaça não foi um incêndio, mas uma pequena escavadeira, que caiu em um local de construção sob a plataforma, espalhando poeira e fumaça do motor. Em um ponto a fumaça estava tão intensa que era difícil ver os arredores.

Segundo a polícia e a East Japan Railway Co, no momento do incidente, pedaços de concreto estavam sendo recolhidos no local, e a escavadeira tombou. Nenhuma pessoa ficou ferida.

Fonte: Mainichi
Imagem: ANN

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Adolescente brasileiro desaparecido desde segunda-feira

Publicado em 29 de agosto de 2017, em Comportamento

A escola e a mãe do adolescente acionaram a polícia na segunda-feira (28) à tarde para procurá-lo, em Hamamatsu (Shizuoka).

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Adolescente Gabriel, de Hamamatsu, desaparecido desde segunda-feira (foto cedida)

Na segunda-feira (28) a mãe Karina acordou com o telefonema perguntando porque seu filho não compareceu à escola. Correu para o quarto dele e ele já não se encontrava lá. Ela teria que ir trabalhar. “Imaginei que ele estivesse atrasado, como eu também acordei atrasada”, relata. Ligou de volta para a escola informando que ele poderia ter saído atrasado.

Publicidade

Por volta das 11h, Karina recebeu outro telefonema informando que seu filho não foi para a escola. “Estava no hospital e, mais tarde, sabia que ele teria aula de judô. Fui para o dojô e quando cheguei os professores da escola também estavam lá. Esperamos dar 14h – horário de início da aula – mas ele não veio”, lamenta.

Informações sobre Gabriel

“Como ele não veio, a escola achou melhor acionarmos a polícia. Lá fui questionada se não houve discussão, briga e contei que nada disso tinha acontecido. Ele foi para a piscina, com o pai e os amigos no domingo. Estava tudo bem”, relata a mãe. Ela conta que ele tem personalidade mais reservada.

Karina aguarda por pistas e informações sobre seu filho: Gabriel Kouji Sueoka. Tem 13 anos, primeiro ano ginasial, fala português e japonês, tem 1,71 metro de altura, pesa 60 a 62Kg e deve estar com uniforme da escola, calça preta e camisa branca. Pode estar com bermuda azul, que ele usa para a aula de esportes.

A mãe supõe que ele tenha saído de casa com uniforme escolar. Os dois residem em Hamamatsu (Shizuoka).

Ela aguarda por informação através do telefone 080-3633-5398 ou mensagem pelo seu perfil do Facebook https://www.facebook.com/kary.yumi.

Foto cedida

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância