Turistas chineses alugam carros no Japão com habilitações internacionais falsificadas

Locadoras no Japão dizem que a verificação de uma permissão internacional para dirigir é complicada, visto que elas diferem de um país emissor para outro.

Permissões suspeitas emitidas nas Filipinas podem ser compradas online por cerca de 400 dólares (imagem ilustrativa – Rent-a-Car em Okinawa/ Arquivo Portal Mie)

A polícia japonesa está investigando relatos sobre turistas chineses alugando carros com carteira de motorista internacional (ou permissão internacional para dirigir) falsificadas.

Publicidade

No início de fevereiro, um viajante que veio de Shangai apareceu no escritório de uma locadora no Aeroporto de Naha (Okinawa) acompanhado de sua família. Ele entregou um passaporte chinês e uma licença internacional nova supostamente emitida pelas Filipinas. Quando o funcionário verificou seu passaporte, no entanto, constatou que não havia registros de que o homem tinha visitado o país do sudeste asiático nos últimos anos.

O funcionário percebeu que a licença poderia ser falsificada e se negou a fornecer um carro.

Habilitações compradas online em sites filipinos

Negócios suspeitos nas Filipinas estão aparentemente forjando licenças internacionais e as vendendo online a compradores chineses. O gerente da Luft Rent-a-Car, na província de Okinawa, disse que vê “de dois a três casos por semana” de clientes usando licenças que parecem ser falsificadas.

A polícia disse que quem pretende dirigir no Japão deve obter ou uma licença japonesa, ou de outro país que tenha um sistema comparável ao do Japão ou uma permissão internacional emitida sob a Convenção de Geneva sobre Tráfego em Rodovia.

O governo japonês considera os sistemas de licença de sete países e territórios como comparáveis. A China não é um deles e nem é um signatário da Convenção de Geneva. Então, poucos turistas chineses que vêm ao Japão são qualificados para dirigir.

Mesmo assim, uma pesquisa realizada pelo governo da província de Okinawa descobriu que 11% dos turistas chineses que vieram ao Japão alugaram carros. Em Hokkaido, 16% dos turistas entrevistados disseram que alugaram um veículo.

As licenças suspeitas agravam as preocupações em relação à segurança, com um recorde de turistas estrangeiros ao Japão trazendo um aumento nos acidentes em rodovias envolvendo veículos alugados.

Visto que as Filipinas são um signatário da Convenção de Geneva, suas licenças internacionais são válidas no Japão.

Várias fontes na indústria de aluguel de carros disseram que é possível comprar uma licença filipina e uma licença internacional ao enviar certos documentos, incluindo a cópia de uma carteira de motorista chinesa, a uma empresa no país do sudeste asiático. O custo é de 370 a 465 dólares.

Dificuldade em verificar uma habilitação internacional

É complicado para as locadoras no Japão verificarem uma habilitação internacional, visto que elas diferem de um país emissor para outro. Algumas falsificadas são recriadas tão cuidadosamente que é difícil até para a polícia dizer se é ou não verdadeira, de acordo com um porta-voz da Sapporo Rent-a-Car Association.

Um representante da Agência Nacional de Polícia disse que as autoridades têm a intenção de trabalhar com ministérios do governo e empresas de aluguel de carros para determinar a extensão do problema.

Fonte: Nikkei
Imagem: Arquivo Portal Mie

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Detalhes estão sendo finalizados para mudar os dias de 3 feriados nacionais

Publicado em 10 de abril de 2018, em Sociedade

A intenção da mudança é reduzir o congestionamento no tráfego antes e após as Olimpíadas de Tóquio.

Os feriados que serão movidos apenas para o ano 2020 serão o Dia do Mar, o Dia da Montanha e o Dia dos Esportes (imagem ilustrativa)

Legisladores estão finalizando os detalhes para a proposta lei que mudaria o dia de três feriados nacionais em 2020 com a intenção de reduzir o congestionamento no tráfego imediatamente antes e após as Olimpíadas de Tóquio.

Publicidade

Com a previsão de 7,8 milhões de espectadores para os Jogos de Verão em uma das capitais mais densamente povoadas do mundo, oficiais do governo estão preocupados com os efeitos sobre o tráfego ocasionado por medidas de segurança para grande parte dos dignitários estrangeiros que participará das cerimônias de abertura e encerramento.

Com sorte, o plano de mudar feriados nacionais manterá muitas pessoas em casa ao invés de se concentrarem na central Tóquio.

Os feriados nacionais que serão movidos apenas para o ano 2020 serão o Dia do Mar (Umi no Hi), o Dia da Montanha (Yama no Hi) e o Dia dos Esportes (Taiku no Hi).

Formalmente, o Dia do Mar cai na 3ª segunda-feira em julho, que seria 20 de julho em 2020. No entanto, para o ano olímpico, esse dia seria movido para a quinta-feira (23 de julho), um dia antes da cerimônia de abertura.

O Dia dos Esportes, que normalmente cai na 2ª segunda-feira de outubro, 12 de outubro em 2020, seria movido para 24 de julho, para tornar o dia da cerimônia de abertura em um feriado nacional.

O Dia da Montanha seria movido de 11 de agosto para 10 de agosto em 2020, para que ele caia na segunda-feira após a cerimônia de encerramento agendada para 9 de agosto.

Um grupo multipartidário de legisladores planeja apresentar a lei na atual sessão da Dieta para permitir as mudanças nos feriados nacionais. A administração de Shinzo Abe pareceu favorável sobre tais discussões, então as leis poderão ser aprovadas.

Funcionários do escritório do gabinete disseram que nunca houve um exemplo – desde 1948 quando a lei de feriado nacional entrou em vigor – de mudança de feriado nacional para somente um ano.

Fonte: Asahi
Imagem: Bank Image

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Nihongo - Estude em casa com o Kumon!
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Empregos para estrangeiros no Japão UT Suri-emu
Bell Mart - Produtos brasileiros no Japão