Pesquisa sobre celulite em 9 países: 90% da mulheres têm

Uma empresa francesa realizou uma pesquisa em 9 países para avaliar as condições da celulite nas mulheres, incluindo o Brasil.

Milhares de mulheres de 9 países, incluindo as brasileiras, disseram que se incomodam com a celulite (Flickr)

O resultado de uma grande pesquisa sobre celulite nas mulheres foi divulgado em dezembro, por uma empresa farmacêutica francesa.

Publicidade

Foram ouvidas 4,6 mil mulheres de 9 países, entre eles o Brasil.

As mulheres dos países como Holanda e Reino Unido são as que menos têm em grande quantidade. Apenas 25% responderam que sim.

O local onde mais têm celulite, segundo o resultado da pesquisa, é nas coxas, com 90% de respostas positivas.

Nos joelhos 50% das francesas e italianas, enquanto holandesas, brasileiras e inglesas afirmaram que têm menos, abaixo dos 25%.

Já na cintura as respostas foram variadas: 27% das italianas, 29% das holandesas, 55% das belgas, 74% das francesas e igualmente as marroquinas.

Motivos da celulite

Fotos: Wikimedia

A pesquisa obteve os seguintes motivos para a formação da indesejável celulite, imaginados pelas mulheres:

  • 51% indicou falta de exercício
  • 59% por problema de má circulação sanguínea
  • 56% por ganho de peso
  • 44% por baixo equilíbrio nutricional

Também obteve outras respostas como gravidez, problema no sistema linfático e herança genética.

Quem se importa

As que mais sofrem com a celulite são as italianas (57%), belgas (55%), francesas (56%), marroquinas (53%) e inglesas (51%).

As mulheres da Europa parecem que são as que mais se afligem com o problema: 37% da França, 34% da Itália e 34% da Bélgica.

Mas há mulheres que acreditam que a celulite seja uma doença: ⅔ das brasileiras, gregas, belgas e francesas responderam assim.

Medidas contra celulite

A pesquisa levantou que 80% delas tomam medidas diversas para o combate, experimentando de tudo o que indicam.

As mais empenhadas são as da Holanda (67%), seguidas das inglesas (59%) e brasileiras (52%).

Parece que as medidas mais adotadas são massagem oriental e aromaterapia, academia e dieta alimentar. Mas, também não dispensam o uso de produtos cosméticos.

E você se importa?

Fonte: Bien Etre 

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Guias ninja são atração no Centrair

Publicado em 13 de janeiro de 2019, em Artigos de Turismo

Não se assuste se encontrar ninjas pilotando Segway no Centrair-Aeroporto Internacional de Chubu. Quer experimentar dar uma volta com ele?

Ninjas contemporâneos no Segway (Centrair)

O ninja e o samurai são figuras conhecidas por 98% dos estrangeiros, segundo pesquisa encomendada pelo Centrair-Aeroporto Internacional de Chubu, em Tokoname (Aichi). Todo dia 22 – Dia do Ninja – era possível vê-los no aeroporto, através de um projeto especial.

Publicidade

Mas, com o resultado da pesquisa a gestão resolveu reforçar ainda mais a presença deles.

Guias turísticos cosplayed de ninjas usam o Segway. Os visitantes recebem instruções de como dirigir esse veículo e podem desfrutar de 3 percursos diferentes.

Cada um deles dura em torno de 60 minutos e a tarifa é de 3 mil ienes por pessoa.

É preciso fazer reserva com antecedência, escolhendo previamente o percurso. O capacete emprestado faz parte do pacote. Aceita-se grupo de até 8 pessoas, maiores de 16 anos.

3 percursos diferentes com Segway (divulgação)

Para escolher um dos percursos toque aqui (somente em japonês). Para fazer a reserva com mínimo de 12 horas de antecedência toque aqui.

O projeto Ninja chegou também ao barco que liga Tsu (Mie) ao Centrair, desde 22 de dezembro. Chamado de Ninja Speed Boat quer chamar a atenção dos estrangeiros. O panfleto de como usar o salva-vidas e outros materiais tem o ninja como figura ilustrativa, além da decoração do barco.

Divirta-se!

Barco que liga Tsu ao aeroporto Centrair (divulgação)

Fonte: divulgação e Travel Voice

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Empregos no Japão - HUMAN