Navio baleeiro parte para última pesquisa e depois à caça comercial

Um navio baleeiro parte de Taiji, em Wakayama, para as atividades de pesquisa no Oceano Pacífico, com vistas à caça comercial das baleias.

Familiares e amigos se despedem dos tripulantes do navio baleeiro (Sankei)

O navio baleeiro de pequeno porte, o Dai Nana Katsu Maru, de 32 toneladas, partiu às 10h do Porto de Taiji (Wakayama), com 6 tripulantes para a última pesquisa sobre as baleias no Oceano Pacífico.

Publicidade

Em resposta à decisão do governo de retirar-se da Comissão Internacional da Baleia-IWC, a equipe do navio retomará a caça comercial em julho, depois de 31 anos.

Cercado pelos familiares e amigos o capitão Takashi Takeuchi, 40, declarou “este ano, com a reabertura comercial a energia é outra. Queremos que a população de todo país coma excelente carne de baleia”.

Segundo informações da cooperativa dos pescadores o navio Dai Nana Katsu Maru se juntará às frotas de outras províncias, como Hokkaido, por exemplo. Até junho vão capturar algumas baleias-de-minke, conhecidas também como baleias-anã, em Aomori e pesquisarão juntos a idade, peso e outras avaliações.

Depois de julho atuarão na captura com o objetivo comercial, nas águas de Hokkaido e Chiba, até final de outubro.

Fontes: ANN e Sankei

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Novos níveis de alerta para salvar vidas em caso de chuva intensa e terremoto

Publicado em 29 de março de 2019, em Informações

O governo anunciou uma nova diretriz de emissão de alertas, aumentando os níveis de 3 para 5, para prevenção de desastres provocados pela chuva e terremoto.

Tragédia causada pela chuva intensa, em julho de 2018, em Okayama (arquivo ANN)

Em reunião realizada pela manhã o governo apresentou uma nova diretriz em relação aos níveis de alerta à população local, para preservar vidas, nos casos de chuva intensa e terremoto. Como medida preventiva adicionou 2 novos alertas aos atuais 3, passando para 5.

Publicidade

O objetivo é mostrar aos residentes locais de forma clara o nível do perigo a fim de salvar vidas com a evacuação precoce. Quer começar a operar por volta de junho, quando chega a estação chuvosa e os tufões.

No ano passado as províncias de Okayama, Hyogo e Hiroshima, por exemplo, tiveram desastres por causa da chuva intensa. Nessa ocasião muitos ignoraram os alertas emitidos pelas autoridades locais ainda no estágio inicial. Tornou-se portanto o pior desastre da era Heisei provocado pela chuva.

Veja a tabela em português

O governo informou que quando o alerta do nível 5 é emitido já é tarde para buscar abrigo. Por isso, pede à população que atenda aos avisos e alertas já no nível 3, dando prioridade aos idosos e às pessoas com dificuldade de locomoção.

Veja a tabela e, se for o caso, dê um print na tela e salve a imagem abaixo.

Para compreender a linguagem em japonês, nesse caso de emergência, toque aqui para abrir e ler a matéria informativa.

Para ler outras matérias relacionadas toque sobre as palavras em vermelho:

Dois novos níveis de alerta, 4 e 5, para preservação da vida, definidos pelo governo

Divulgue essas informações para os seus amigos.

Fontes: Nikkei, ANN e JNN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!