Balanço inédito no Japão: adrenalina pura a 57 metros

Para quem gosta de bungee jump vai curtir essa nova modalidade chamada de ‘canyon swing’. Como o nome indica fica os cabos do balanço têm 57 metros.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Foto: Fun Chichibu

No meio de uma bela floresta, com rio, qualquer pessoa adulta pode desfrutar do canyon swing, um balanço gigante, inédito e o mais longo do Japão.

Publicidade

É o mais longo e assustador balanço do arquipélago. O aventureiro é preparado para saltar em queda. Depois sim, fica balançando sobre as águas do Rio Ara (Arakawa), dentro de uma paisagem natural magnífica.

O comprimento dos cabos é de 57 metros. No primeiro momento é como se saltasse de bungee jump sentado.

É único no país e vale a pena experimentar. O local já virou um dos points de turismo da província de Saitama, até porque, não leva duas horas para quem vai de carro, de Tóquio.

Repórter da ANN, depois de descarregar adrenalina, curte a paisagem

O Geo Gravity Park fica no Vale de Chichibu (Saitama) e tem outras modalidades para descarregar adrenalina, como caminhar sobre uma medonha ponte suspensa e fazer um canyon fly, ou dar uma volta de tirolesa.

Para todas as modalidades é preciso ter mais de 15 anos e mais de 1,40m de altura.

Assista ao vídeo da ANN, cuja repórter fez uma matéria gravando sua experiência.

https://youtu.be/O7PgljaVIPc

Gravity Park

  • Página web em inglês para reserva: https://gravitypark.jp/
  • Telefone: 050-5305-6176
  • Estacionamentos: sim, 2 particulares
  • Dias de folga: 3.ª e 4.ª feira
  • Horário de expediente: 9h às 16h (mas pode mudar, ligue para conferir)
  • Acesso ao local: toque aqui para abrir o mapa
Fontes: divulgação e ANN

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Queda de avião no Havaí deixa 11 mortos

Publicado em 23 de junho de 2019, em Notícias do Mundo

A aeronave – uma Beechcraft 65 King Air operada pelo Centro de Paraquedismo de Oahu – caiu na sexta-feira (21) na área extremo norte do Dillingham Airfield.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Queda de avião no Havaí (Maps)

Em um dos piores desastres aéreos na história do Havaí, 11 pessoas morreram na sexta-feira (21) quando uma aeronave bimotor para paraquedismo onde elas estavam ter caído logo após a decolagem de North Shore da ilha de Oahu e entrado em chamas.

Publicidade

A aeronave – uma Beechcraft 65 King Air operada pelo Centro de Paraquedismo de Oahu – caiu por volta das 18h30, na área extremo norte do Dillingham Airfield.

O Dillingham Airfield continuou fechado no sábado (22) e os destroços da aeronave estavam quase irreconhecíveis. Não muito longe do local da queda, pessoas fizeram homenagens às vítimas e depositaram flores em um memorial.

Dentre os mortos na queda da aeronave estavam um casal do Colorado e um homem de 28 anos de Oregon. Seis do que perderam a vida trabalhavam no Centro de Paraquedismo de Oahu.

Nas horas após a queda, autoridades do estado informaram que nove pessoas haviam morrido.

Entretanto, na manhã de sábado um porta-voz da Administração Federal de Aviação disse ao Hawaii News que a investigação realizada por eles mostrou que 11 pessoas estavam a bordo da aeronave no momento do acidente.

Informações divulgadas pelo Departamento de Polícia de Honolulu também indicaram que 11 pessoas haviam morrido na queda e um porta-voz do departamento dos transportes confirmou a informação depois na manhã de sábado.

Quando os bombeiros chegaram ao local eles viram que os destroços da aeronave haviam sido engolidos pelas chamas, as quais podiam ser vistas a quilômetros de distância.

O chefe do departamento de bombeiros Manuel Neves disse que familiares daqueles que estavam a bordo da aeronave estavam no local quando a queda ocorreu e podem ter visto a cena.

“É muito difícil. Em meus 40 anos como bombeiro aqui no Havaí esse é o incidente de aeronave mais trágico que tivemos”, disse Neves.

Autoridades do Departamento de Transporte estadual disseram que a o Conselho Nacional de Segurança nos Transportes investigará o acidente. Autoridades federais chagariam a Honolulu no sábado para dar início à investigação formal.

Fonte: Hawaii News Now

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência