Dez pessoas a bordo de navio colocado em quarentena infectadas pelo coronavírus

Um passageiro de Hong Kong que viajava no navio com 3,7 mil a bordo estava infectado pelo coronavírus.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Cruzeiro com 3,7 mil pessoas está em quarentena desde a noite de segunda-feira, 3 de fevereiro, ao largo da costa de Yokohama (NHK)

Dez pessoas a bordo de um navio de cruzeiro colocado em quarentena perto de Yokohama (Kanagawa) testaram positivo para o novo coronavírus que se originou na cidade chinesa de Wuhan, disse o Ministério da Saúde nesta quarta-feira (5).

Publicidade

O navio Diamond Princess, com cerca de 3,7 mil pessoas a bordo, está sendo mantido em quarentena ao largo da costa de Yokohama após descobrirem que um passageiro de 80 anos de Hong Kong estava infectado pelo vírus que causa pneumonia.

Dos passageiros e tripulação, 273 que tiveram contato próximo com o passageiro infectado foram submetidos ao teste para detectar o vírus, disse o Ministro da Saúde, Trabalho e Bem-Estar Katsunobu Kato em uma coletiva de imprensa.

Os resultados de 31 retornaram, e 10 pessoas na faixa dos 50 aos 80 anos estavam infectadas com o vírus e serão levadas a um hospital. Nenhuma delas está apresentando sintomas graves.

O governo está exigindo que todos os passageiros e tripulação, de 56 países e regiões, permaneçam no navio por mais duas semanas a partir desta quarta-feira, disse Kato.

Os passageiros foram informados que o navio atracará na noite desta quarta-feira para reestocar comida e outros suprimentos, de acordo com um viajante na embarcação.

O homem de Hong Kong infectado viajou de avião a Tóquio em meados de janeiro e entrou a bordo do cruzeiro em Yokohama no dia 20 de janeiro. Ele desembarcou em Hong Kong no dia 25.

Fonte: Mainichi

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Solidariedade: prefeituras de Aichi enviam máscaras para cidades irmãs da China

Publicado em 5 de fevereiro de 2020, em Sociedade

Duas prefeituras da região Mikawa de Aichi enviam suprimentos de emergência para suas cidades irmãs na China em gesto solidário.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Caixas sendo fechadas, na prefeitura de Toyokawa, para despachar para cidade irmã na China (CTV)

Com a epidemia do novo coronavírus na China e falta de máscaras, as cidades de Toyokawa e Toyohashi (Aichi) despacharam caixas na terça-feira (4). 

Publicidade

A prefeitura de Toyokawa reuniu suprimentos como máscaras, luvas e roupas de proteção, em kits, com cerca de 500 unidades cada. Estavam no estoque para serem usados nos casos de emergência, tanto no Hospital Municipal quanto no Corpo de Bombeiros.

As caixas foram despachadas como encomenda internacional para o Distrito de Xinwu, na cidade de Wuxi (Jiangsu), com o qual tem um laço de irmandade. 

Para a mesma província chinesa, mas destinada a outra cidade, Nangtong, a prefeitura de Toyohashi também despachou caixas em gesto solidário. Foram 10 mil máscaras em um momento em que a China mais precisa delas. 

Fontes: Tokai TV e CTV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância