Aumento suave de novos casos de infecção pelo coronavírus

Na quarta-feira o número de testados positivos foi bem inferior, especialmente em Tóquio e outras províncias de Kanto. Em Aichi foi zero.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Iwate continua sendo a única província sem nenhum caso (News Digest)

Com queda no número de pessoas testadas positivas em todo país, até as 7h de quinta-feira (7), o total dos casos nas 46 das 47 províncias é de 15.306. 

Publicidade

Houve aumento de 22 pessoas em Hokkaido, 38 em Tóquio, 9 em Saitama, 7 em Kanagawa, 12 em Osaka, 3 em Quioto, entre outras. Em Fukuoka foi apenas um caso e em Aichi foi zero. Assim foi também nas demais províncias da região Tokai, em Gifu, Mie e Shizuoka.

Na capital japonesa puderam ser observadas reduções pelo quarto dia consecutivo, com menos de 100, pois em 3 foram 91, em 4 foram 87 e em 5 foram 58. 

Continuam internados, seja nos hospitais ou nos hotéis, além dos 2 mil que se tratam em casa, 9.960 pacientes. Houve aumento das pessoas recuperadas, passando a 4.918.

Veja o quadro por província e por navio.

Região Província N.º Infectados Mortes
Norte/Nordeste
Hokkaido 907 46
Aomori 26 0
Miyagi 88 0
Yamagata 69 0
Akita 15 0
Iwate 0 0
Fukushima 80 0
Kanto
Ibaraki 168 9
Tochigi 54 0
Gunma 147 18
Saitama 917 40
Chiba 862 37
Tóquio 4.748 155
Kanagawa 1.128 47
Hokuriku
Niigata 78 0
Toyama 216 13
Ishikawa 271 16
Fukui 122 8
Koshin
Nagano 73 0
Yamanashi 56 0
Tokai
Gifu 150 6
Shizuoka 73 1
Aichi 493 34
Mie 44 1
Kinki
Shiga 97 1
Quioto 341 13
Osaka 1.698 56
Hyogo 677 30
Nara 84 2
Wakayama 62 2
Chugoku
Tottori 3 0
Shimane 24 0
Okayama 22 0
Hiroshima 164 2
Yamaguchi 36 0
Shikoku
Tokushima 5 1
Kagawa 28 0
Ehime 48 3
Kochi 74 3
Kyushu/Sul
Fukuoka 649 24
Saga 45 0
Nagasaki 17 1
Kumamoto 46 2
Oita 60 1
Miyazaki 17 0
Kagoshima 10 0
Okinawa 142 5
Voos fretados da China 14 0
Funcionários do governo 158 0
TOTAL DENTRO JAPÃO 15.306 577
Cruzeiro Diamond Princess 712 13
Cruzeiro Costa Atlantica 149 0
TOTAL NO JAPÃO 16.018 590
Fontes: NHK, FNN, JNN, Tokai TV, CBC TV e News Digest

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Coronavírus sofreu mutação e parece estar mais contagioso, diz novo estudo

Publicado em 7 de maio de 2020, em Notícias do Mundo

A nova cepa começou a se espalhar na Europa no início de fevereiro antes de migrar para outras partes do mundo, tornando-se a forma dominante do vírus em todo o globo até o fim de março.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustração 3D do coronavírus (PM)

O coronavírus que surgiu na cidade chinesa de Wuhan, ao longo de 4 meses atrás sofreu mutação e a nova e dominante cepa que se espalha pelos EUA parece ser ainda mais contagiosa, de acordo com um novo estudo.

Publicidade

A nova cepa começou a se espalhar na Europa no início de fevereiro antes de migrar para outras partes do mundo, incluindo os EUA e Canadá, tornando-se a forma dominante do vírus em todo o globo até o fim de março, escreveram pesquisadores do Laboratório Nacional de Los Alamos – LANL em um relatório de 33 páginas publicado em 30 de abril no BioRxiv.

Limitação da eficácia de vacinas

Se o coronavírus não diminuir no verão como a influenza sazonal, ele pode sofrer ainda mais mutação e potencialmente limitar a eficácia de vacinas contra coronavírus que estão sendo desenvolvidas por cientistas em todo o mundo, alertaram pesquisadores.

Alguns pesquisadores de vacinas vêm usando as sequências genéticas do vírus isoladas por autoridades da saúde no início do surto.

“Essa é uma notícia dura”, escreveu Bette Korber, bióloga computacional no LANL e autora líder do estudo em sua página no Facebook, citada pelos Los Angeles Times.

“Nossa equipe no LANL conseguiu documentar essa mutação e seu impacto na transmissão somente por causa de um esforço global massivo de pessoas na área clínica e grupos experimentais, os quais disponibilizaram as novas sequências do vírus (SARS-CoV-2) em suas comunidades o mais rápido que puderam”, disse ela.

O estudo ainda precisa ser revisto em pares (peer-reviwed), mas os pesquisadores citaram que a novidade da mutação era de “preocupação urgente” considerando mais de 100 vacinas no processo de serem desenvolvidas para prevenir a Covid-19.

Pesquisa na China descobre dois tipos de coronavírus diferentes

No início de março, pesquisadores na China disseram que descobriram que dois tipos diferentes de coronavírus poderiam estar causando infecções no mundo.

Em um estudo publicado em 3 de março, cientistas da Escola de Ciência da Vida da Universidade Peking e o Instituto Pasteur de Xangai descobriram que um tipo mais agressivo do novo coronavírus havia contado por cerca de 70% de cepas analisadas, enquanto 30% haviam sido ligadas a um tipo menos agressivo.

Descobriu-se que a cepa mais agressiva e letal era prevalente nos estágios iniciais do surto em Wuhan – a cidade chinesa onde o vírus surgiu pela primeira vez.

Os pesquisadores do LANL, com a ajuda de cientistas da Universidade Duke e da Universidade de Sheffield na Inglaterra, conseguiram analisar milhares de sequências de coronavírus coletadas pela Global Initiative for Sharing All Influenza Data – GISAID, uma organização que promove o rápido compartilhamento de dados de todos os vírus de influenza e coronavírus.

Até o momento, os pesquisadores identificaram 14 mutações.

A mutação causa impacto na proteína S (spike protein), um mecanismo multifuncional que permite ao vírus entrar no organismo da pessoa.

A pesquisa teve suporte financeiro do Conselho Médico de Pesquisa, do Instituto Nacional de Pesquisa da Saúde e da Genome Research Limited.

Fonte: CNBC

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência