Aumento de mortes dos pacientes com Covid-19 em tratamento em casa

A polícia divulgou o número de mortes no Japão, por causa da mudança repentina da condição física do paciente em tratamento da Covid-19.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem ilustrativa de pessoa em repouso no sofá (Wokandapix por Pixabay)

De acordo com a matéria da NHK, de quarta-feira (6), a Agência Nacional de Polícia divulgou que foram 122 mortes de pacientes em tratamento da Covid-19, em casa. O quadro desses pacientes mudou repentinamente levando-os a óbito.

Publicidade

Segundo a agência, desde dezembro vem ocorrendo essas mudanças bruscas na condição física dos pacientes assintomáticos infectados pelo novo coronavírus. Foram 56 no mês passado, os quais se tratavam em casa ou em hotel. 

Além disso, há casos de mal-estar em que se leva algum tempo até ser atendido em consulta em uma instituição médica, sendo que a infecção pode ser descoberta depois da morte.

O professor Kazuhiro Tateda, da Universidade Toho e presidente da Sociedade Japonesa de Doenças Infecciosas, se preocupa.

“Mesmo que pareça leve, há casos em que a condição se deteriora repentinamente. A condição de saúde da pessoa infectada deve ser conferida regularmente. É preciso estabelecer um sistema de tratamento em um hospital o mais rápido possível quando ocorrer uma mudança repentina”, aponta Tateda.

Fonte: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

As companhias aéreas mais seguras do mundo para viajar em 2021

Publicado em 6 de janeiro de 2021, em Notícias do Mundo

As 20 companhias aéreas mais seguras para 2021 e as que vão além da proteção de passageiros contra Covid-19.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Design único, o yananyi dreaming, em avião da Qantas, a companhia aérea mais segura do mundo (banco de imagens PM)

A companhia aérea australiana Qantas foi nomeada a mais segura pelo 3º ano consecutivo pela AirlineRatings, site de reviews de segurança líder no mundo.

Publicidade

Em seu review anual, o site anunciou suas 20 companhias aéreas mais seguras para 2021 e as que vão além da proteção de passageiros contra Covid-19 de 385 empresas que ele monitora.

Ao fazer as seleções, os editores do site de segurança e produtos e seus conselheiros da indústria levaram inúmeros fatores importantes em consideração.

Esses incluem verificações de vários órgãos administrativos da aviação e associações líderes, inspeções do governo, registro de quedas e graves incidentes com aeronaves, idade da frota, posição financeira e treinamento e cultura de pilotos.

As 20 companhias aéreas mais seguras do mundo para 2021

  1. Qantas
  2. Qatar Airways
  3. Air New Zealand
  4. Singapore Airlines
  5. Emirates
  6. EVA Air
  7. Etihad Airways
  8. Alaska Airlines
  9. Cathay Pacific Airways
  10. British Airways
  11. Virgin Australia/Virgin Atlantic
  12. Hawaiian Airlines
  13. Southwest Airlines
  14. Delta Air Lines
  15. American Airlines
  16. SAS
  17. Finnair
  18. Lufthansa
  19. KLM
  20. United Airlines

Os editores da AirlineRatings olharam somente incidentes graves ao fazer as determinações.

Todas as aéreas registram incidentes todos os dias, e muitos são problemas relacionados à fabricação das aeronaves ou motores ao invés de problemas operacionais do avião.

“A Qantas da Austrália é reconhecida pela Advertising Standards Association britânica em um caso de teste como a aérea mais experiente do mundo”, diz o editor chefe Geoffrey Thomas.

“A Qantas foi a aérea líder em praticamente todo grande avanço de segurança operacional ao longo dos últimos 60 anos e não registrou uma fatalidade na era jato puro”.

Ele também elogiou a companhia aérea pelo seu comprometimento em retreinar pilotos que estão retornando aos céus após a pandemia ao oferecer a eles um curso de seis dias com um focado em saúde.

Proteção contra Covid-19

O grupo de aviação também avaliou companhias aéreas em relação a protocolos em vários fatores, incluindo informação em seus sites sobre Covid-19, o fornecimento de máscaras para passageiros e equipamento de proteção pessoal para tripulação, modificação de serviços de refeições, limpeza profunda de aeronave, fornecimento de kit de higienização e distanciamento social a bordo.

As 20 companhias aéreas que mais vão além na proteção de passageiros contra a Covid-19, em ordem alfabética, são: Air Baltic, Air New Zealand, Alaska Airlines, All Nippon Airways, AirAsia, British Airways, Cathay Pacific Airways, Delta Air Lines, Emirates, Etihad Airways, Eva Air, Japan Airlines, Jetblue, KLM, Korean Airlines, Lufthansa, Singapore Airlines, Southwest, Qatar Airways and Westjet.

Na era da Covid-19, “todas essas companhias aéreas têm sido formadoras de tendência em tornar viagens o mais seguras possíveis’, acrescentou Thomas.

Fonte: Lonely Planet

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância