Japão: 82% das pessoas infectadas não tomaram vacina

Os percentuais mostram a eficácia da vacinação contra o novo coronavírus. Por isso, veja atentamente.

Imagem ilustrativa de vacina da Pfizer-BioNTech (Wikimedia)

Em meio à infecção explosiva desde a semana anterior, no Japão, muitas pessoas podem se questionar achando que a vacinação não está fazendo efeito. Ainda não se pode obter a imunidade de rebanho, mas os números mostram que vale a pena se vacinar.

Publicidade

Estima-se que 70% da população precisa ser vacinada para obter essa imunidade de rebanho. Enquanto o Japão ainda não chegou nesse índice, veja a análise em percentual dos testados positivo para o novo coronavírus, divulgada pelo MHLW-Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar.

Foi feita uma análise em 57 mil pessoas com resultado positivo, no período de 10 a 12 de agosto. 

A maioria absoluta dos testados positivo – 82% – foi de pessoas ainda não vacinadas. 

Em uma fatia bem minúscula, de 5%, estão as pessoas que tomaram a primeira dose. E, apenas 3% das que se infectaram já tinham recebido as duas doses.

Em relação ao restante dos 10%, não havia informação.

Em outras palavras, os dados mostram que é difícil se infectar com o novo coronavírus quando já foi vacinado. Ou seja, quando inoculado com as duas doses, a vacina se torna ainda muito mais eficaz.

Fonte: Senior Guide

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Gifu se junta a Aichi e Mie para solicitar estado de emergência

Publicado em 23 de agosto de 2021, em Sociedade

Os governadores solicitaram estado de emergência ao país. Aichi dará prioridade à vacina para gestantes.

Números dos testados positivo, por província, no domingo (CBC TV)

A disseminação da infecção pelo novo coronavírus aumenta diariamente, principalmente em Mie, onde 432 testaram positivo, o maior número desta epidemia, renovado pelo sexto dia consecutivo.

Publicidade

A cidade com o maior número foi Yokkaichi, com 94 novos casos, seguida de 71 em Suzuka, 52 em Kuwana e 40 em Tsu, entre outras. Além disso, teve 2 óbitos.

Em relação à vacinação na província, 43% receberam a primeira dose, enquanto 35% da população concluiu a segunda dose.

Na província de Gifu foram 276 pessoas com resultado positivo no domingo, mas no sábado foram 345, o maior de todos os tempos.

Por isso, o governador decidiu solicitar o estado de emergência, alinhando com os colegas de Aichi e Mie. Atualmente todas as 3 estão sob as medidas prioritárias.

Aichi: prioridade da vacinação às gestantes

Em Aichi, o número passou de mil pelo quinto dia consecutivo. Foram 1.202, sendo 303 em Nagoia. 

Na segunda-feira (23), o governador Hideaki Omura, de Aichi, anunciou que notificará as prefeituras e instituições médicas locais para dar prioridade à vacinação de gestantes.

Afirmou que não só as gestantes, mas também os maridos e companheiros estarão sujeitos à vacinação prioritária, pois existe um alto risco de agravamento quando elas se infectam com o novo coronavírus.

Fontes: Nagoya TV, CTV, Mie TV e News Digest

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!