Nagoia: primeiro lugar para apreciar sakura

Tanto se pode fazer o trajeto de carro como caminhar pela rua para apreciar as primeiras flores de cerejeira da capital de Aichi, de duas variedades.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Foto da rua com as fileiras de sakura no ápice (Pref. Nagoia)

O final de semana, 12 e 13 de março, podem ser dias ideais para fazer uma caminhada para apreciar as fileiras de cerejeiras floridas em uma rua em Nagoia (Aichi), em Higashi-ku.

Publicidade

Quem é residente em Nagoia sabe que após 2 a 3 semanas das flores de cerejeira dessa rua, os parques da cidade estarão todos cheios de sakura da variedade mais popular, a Someiyoshino.

À esq. a cerejeira de Taiwan e à dir. a Ookanzakura (PM)

Portanto, se quer apreciá-las antes, fica a dica para o passeio. São duas variedades, igualmente belas: 大寒桜 (lê-se ookanzakura), com flores maiores do que a Someiyoshino e 寒緋桜 (lê-se kanhizakura), ou também conhecida como as cerejeiras de Taiwan, de cor rosa bem intenso. 

Em uma extensão de 1,4km há cerca de 140 pés dessas cerejeiras em fileiras. Pode começar no cruzamento da Sakura-doori, Izumi 2 chome (桜通泉二丁目), e seguir até Yoshino (芳野二), se for de carro. Essa rua fica paralela, entre as rodovias 41 e 19.

Ookanzakura (PM)

Caso queira fazer um passeio caminhando, pode usar o metrô Sakuradori, saída 2 da estação Takaoka. 

Toque aqui para ver o local no mapa.

Bom passeio!

Fonte: Pref. Nagoia 

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Rússia divulga longa lista de países ‘não amigáveis’

Publicado em 8 de março de 2022, em Notícias do Mundo

Considerou-se que essas nações na lista tenham tomado ‘ações não amigáveis contra a Rússia, companhias russas e cidadãos’.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Em destaque a bandeira da Rússia (banco de imagens)

Na segunda-feira (7) a Rússia publicou uma lista oficial de estados estrangeiros que ela considera “não amigáveis”, enquanto a invasão da Ucrânia ordenada pelo presidente Vladimir Putin entra no 12º dia.

Publicidade

Negócios na Rússia envolvendo esses países agora precisarão de autorização especial do governo, disse o Kremlin, em uma resposta às devastadoras sanções impostas por nações ocidentais devido à invasão.

Os países e territórios considerados “não amigáveis” pelo governo russo incluem Austrália, Albânia, Andorra, Reino Unido, incluindo Jersey, Anguila, Ilhas Virgens Britânicas, Gibraltar, estados membros da União Europeia, Islândia, Canadá, Liechtenstein, Micronésia, Mônaco, Nova Zelândia, Noruega, República da Coreia, San Marino, Macedônia do Norte, Singapura, EUA, Taiwan, Ucrânia, Montenegro, Suíça e Japão, de acordo com um decreto publicado no site do governo.

Considerou-se que essas nações na lista tenham tomado “ações não amigáveis contra a Rússia, companhias russas e cidadãos”, diz o decreto.

A agência de notícias TASS cita que estados estrangeiros mencionados na lista do Kremlin se impuseram ou se juntaram contra a Rússia após Putin ter iniciado a invasão da Ucrânia em 24 de fevereiro.

Países ocidentais anunciaram duras sanções contra a Rússia, incluindo banir certos bancos russos do Swift, a rede de alta segurança que facilita pagamentos entre 11 mil instituições financeiras, prejudicando a habilidade do banco central russo de movimentar suas reservas e medidas visando Putin e seus aliados.

Fonte: Newsweek

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância