Número de nascimentos no Japão atinge nova baixa durante a pandemia

Resultados antecipados para o ano fiscal de 2021 mostram uma diminuição de 1.3% nos nascimentos.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Queda pelo 14º ano consecutivo no número de nascimentos (ilustrativa/banco de imagens)

O número de nascimentos no Japão caiu pelo 14º ano consecutivo, para uma nova baixa, mostram dados do governo, com pouco sinal de melhoria nos últimos meses.

Publicidade

Resultados preliminares para o ano fiscal de 2021 indicam uma diminuição de 1.3% no ano para 842.131 nascimentos, disse o Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar na terça-feira (24).

Os dados abrangem o ano que terminou em março de 2022, quando a pandemia de coronavírus pesou na vida social em um país onde políticos já estavam enfrentando dificuldades para encorajar a formação de novas famílias.

O número de casamentos, um fator chave que determina futuros nascimentos, caiu 0.6%, para 525.273.

O Japão suspendeu a maioria de suas restrições relacionadas ao coronavírus, mas a economia passa por uma recuperação lenta, e muitas pessoas ainda estão sentindo os efeitos de salários perdidos durante a pandemia.

O Japão em envelhecimento também enfrenta uma escassez ligada a menos pessoas entrando para a força de trabalho.

Mesmo se as medidas de suporte do governo tiverem sucesso e o número de nascimentos melhorar, levaria cerca de 20 anos para uma nova geração começar a repor os trabalhadores necessários na construção, área da saúde e outros campos.

Fonte: Asia Nikkei

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Aumento da tensão entre China e Japão com o Quad

Publicado em 25 de maio de 2022, em Política

A China manifestou “forte insatisfação” por que o Japão foi o país anfitrião da cúpula do Quad.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Os 4 líderes do Quad, em Tóquio (Yomiuri)

Na noite de terça-feira (24), um representante do Ministério das Relações Exteriores da China manifestou “forte insatisfação e séria preocupação” ao Japão, se referindo às palavras e ações negativas em relação ao país, durante a cúpula do Quad, encontro dos 4 países – Japão, EUA, Austrália e Índia.

Publicidade

A Embaixada do Japão em Pequim anunciou no início da manhã de quarta-feira (25), que “argumentamos que a proposição do lado chinês não foi aceita“.

Além disso, o lado japonês se manifestou dizendo que “expressamos preocupação com as ações unilaterais da China e pedimos ações apropriadas”, se referindo aos bombardeiros chineses e russos ao redor do Japão na terça-feira.

“É uma atividade normal e não tem como alvo nenhum país”, respondeu o diplomata chinês.

Por que a China está incomodada com o Quad

Bandeira da China (ANN)

Na reunião de cúpula do Quad, onde as lideranças do Japão, Estados Unidos, Austrália e Índia, realizada em Tóquio na terça-feira, ficou acordado que a região Indo-Pacífico não permitiria uma mudança unilateral da situação, com a China intensificando o seu movimento de domínio da região. 

Os quatro países do Quad confirmaram a cooperação para a realização de um “Indo-Pacífico livre e aberto“.

A declaração conjunta divulgada após a reunião de 3 horas afirmou que “apoiamos a resolução pacífica de conflitos e a ordem com base em regras internacionais”, sem mencionar a Rússia, já que a Índia é um país próximo.

A declaração também se opõe fortemente às ações intimidatórias, provocativas e unilaterais”, com a China em mente, a qual fortalece sua expansão nos mares do leste e do sul do país. Em relação à Coreia do Norte, que promove o desenvolvimento nuclear e de mísseis, reafirmou sua cooperação para a desnuclearização completa.

Fontes: Yomiuri, ANN e Sankei

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância