Casos globais confirmados de covid-19 estão em tendência de queda, diz OMS

A OMS diz que essa tendência deveria ser vista com precaução, visto que o número de testes realizados também está diminuindo.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Os casos aumentaram a um ritmo sem precedentes após novembro de 2021 com a propagação da ômicron (banco de imagens)

O número de novos casos confirmados de coronavírus está em tendência de queda. Contudo, a Organização Mundial da Saúde (OMS) diz que essa tendência deveria ser vista com precaução, visto que o número de testes realizados também está diminuindo.

Publicidade

Desde o início da pandemia em 2020, o número de casos aumentava todas as vezes que uma nova e contagiosa variante surgia. Os casos aumentaram a um ritmo sem precedentes após novembro de 2021 com a propagação da altamente transmissível variante ômicron.

Dados da Universidade Johns Hopkins nos EUA mostram que o pico de novas infecções diárias antes da propagação da ômicron foi marcado em abril de 2021, com cerca de 900 mil casos.

Mas em meados de janeiro deste ano, o número de novos casos confirmados por dia passou de 4 milhões.

Números de infecções globais têm estado geralmente em tendência de queda desde então.

De maio em diante, novos casos se mantiveram a menos de 800 mil. Em alguns dias, o total diário situou-se a cerca de 270 mil.

O professor Atsuo Hamada da Universidade Médica de Tóquio atribui a tendência de queda global a mais pessoas sendo vacinadas ou adquirindo imunidade através da infecção, principalmente em nações industrializadas.

Em suas recentes atualizações epidemiológicas semanais, a OMS diz que a queda em novos casos globais deveria ser interpretada com precaução.

“Vários países vêm mudando progressivamente as estratégias de testes da covid-19, resultando em números gerais menores de exames executados e consequentemente menos casos detectados”, diz a OMS.

Fonte: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Província de Shimane aprova reinício de reator nuclear

Publicado em 2 de junho de 2022, em Sociedade

A aprovação para a unidade 2 da planta nuclear na cidade de Matsue foi anunciado pelo governador Tatsuya Maruyama.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

O reator nuclear fica na cidade de Matsue (Wikimédia Commons/KEI)

A província de Shimane, no oeste do Japão, aprovou nesta quinta-feira (2) um plano para reiniciar um reator nuclear do mesmo tipo daquele que sofreu fusões em Fukushima Daiichi após o massivo terremoto e tsunami de 2011.

Publicidade

A aprovação para a unidade 2 da planta nuclear da Chugoku Electric Power Company na cidade de Matsue foi anunciado pelo governador Tatsuya Maruyama em uma sessão da assembleia provincial.

A companhia está buscando reiniciar o reator em 2023. Inativo desde 2012, ele provavelmente será o primeiro reator nuclear de água fervente (BWR, na sigla em inglês) a ser reiniciado desde o desastre de Fukushima.

O Japão vem reiniciando plantas nucleares inativas. Contudo, os reatores trazidos de volta às operações têm sido até agora limitados a outro tipo, os de água pressurizada.

“Eu entendo que (a energia nuclear) representa um certo papel” na política de energia do Japão, disse Maruyama. “Acho que o reinício é inevitável no momento, então decidi aceitar isso”.

A Chugoku Electric passou nos padrões nacionais de segurança em setembro de 2021 para reiniciar o reator. A instalação deve ter suas medidas de segurança concluídas em fevereiro do ano que vem.

Fonte: News and Culture

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência