Jornalista russo vende sua medalha do Nobel para ajudar crianças ucranianas

A medalha do Prêmio Nobel da Paz de 2021 do jornalista russo Dmitry Muratov foi vendida em um leilão por US$103,5 milhões.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Jornalista russo vende sua medalha do Prêmio Nobel da Paz por US$103,5 milhões para beneficiar crianças ucranianas (@Quicktake)

Dmitry Muratov, editor-chefe russo do jornal independente Novaya Gazeta, leiloou na segunda-feira (20) sua medalha de ouro do Prêmio Nobel da Paz por US$103,5 milhões para beneficiar crianças refugiadas pela guerra na Ucrânia.

Publicidade

A medalha foi para as mãos de um arrematante por telefone ainda não identificado na venda em Nova Iorque organizada pela Heritage Auctions.

Muratov conquistou o prêmio em 2021 junto com a jornalista Maria Ressa das Filipinas, com o comitê honrando ambos “pelos seus esforços em proteger a liberdade de expressão”.

Ele estava entre um grupo de jornalistas que fundou a Novaya Gazeta em 1993 após a queda da União Soviética.

Neste ano, ele se tornou o único grande jornal restante que criticou Vladimir Putin e suas táticas dentro e fora do país.

Em março, mais de um mês após a invasão da Ucrânia, a Novaya Gazeta suspendeu operações na Rússia, após Moscou ter adotado lei para prender qualquer um que criticasse a campanha militar sangrenta do Kremlin.

Em abril, Muratov foi atacado em um trem quando uma pessoa jogou sobre ele tinta à base de óleo com acetona, causando queimadura em seus olhos.

A medalha de Muratov estava disponível para arrematantes pessoalmente e online, com todos os recursos sendo destinados para a Resposta Humanitária para Crianças Ucranianas Refugiadas pela Guerra da UNICEF.

Fonte: Channel News Asia

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Ossos humanos no saco de lixo, descobertos por um funcionário da empresa de coleta

Publicado em 22 de junho de 2022, em Sociedade

O funcionário classificava o lixo quando viu ossos humanos dentro do saco plástico.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Empresa coletora do lixo (JNN)

Por volta das 10h40 de terça-feira (21), um funcionário de uma empresa de coleta de lixo situada em Adachi-ku, Tóquio, relatou para seu colega que encontrou “algo como um crânio humano em um saco plástico”, quando fazia a classificação. 

Publicidade

O que foi informado ligou para o 110 para relatar a ocorrência. Os policiais foram enviados para o local e conferiram o conteúdo. 

Havia uma parte do crânio e da mandíbula, com odor fétido de podridão, segundo a informação.

O Departamento de Polícia Metropolitana de Tóquio os encaminhou para análise a fim de verificar a identidade e se é ou não um caso criminal.  

Segundo a polícia, os ossos parecem ser de um adulto, sem evidência de cremação. 

Dentro desse saco plástico de cor branca, sem transparência, não havia mais nada além dos ossos humanos.

Fontes: Sankei, Asahi e JNN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância