Fumantes dos cigarros iQos gastarão mais

A Philip Morris, desenvolvedora dos cigarros aquecidos iQos, deverá aumentar os preços ainda este ano.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Cigarro Terea, da iQos Iluma (PM)

A gigante fabricante Philip Morris entrou com um pedido ao Ministério das Finanças do Japão (MOF) para aumentar o preço dos cigarros aquecidos a partir de 1.º de outubro.

Publicidade

O motivo é por causa do aumento do valor do imposto sobre os cigarros a partir dessa data. 

O alvo são os cigarros aquecidos para o iQos, o qual oferece 3 linhas. O mais barato desses é o da linha Heets, cujo preço atual é de 530, o qual deverá passar a 550 ienes.

A linha Marlboro Heat Stick com 12 sabores diferentes passará dos atuais 580 para 600 ienes. 

A linha mais recente, iQos Iluma, dos cigarros Terea, com 15 sabores, também passará a custar ¥600.

A Japan Tobacco (JT), dona da marca Ploom e a British American Tobacco, desenvolvedora da Glo, também estão considerando solicitar aumentos de preços.  

Fontes: Asahi e Nikkei

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Carreta danifica 5 Lexus expostos na vitrine

Publicado em 19 de agosto de 2022, em Acidentes

Embora a carreta tenha danificado a concessionária e os veículos de luxo, o acidente não gerou vítimas.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Carreta destruiu a vidraça da concessionária (Chugoku Shimbun)

Uma carreta conduzida por um motorista na faixa dos 60 anos invadiu a vitrine da concessionária Lexus, danificando 5 carros de luxo usados em exposição.

Publicidade

O acidente ocorreu por volta das 3h de quinta-feira (18), em Minami-ku, cidade de Hiroshima (província homônima).

Por causa do horário não havia ninguém na calçada nem dentro da loja, por isso, não houve feridos, tampouco o motorista.

De acordo com as informações da concessionária, eram veículos usados, no valor de 3 a 12 milhões de ienes cada. 

Segundo a polícia, o motorista relatou que a carreta derrapou pois a superfície da rodovia 2 estava molhada por causa da chuva naquele horário. Depois de chocar contra um poste de energia elétrica e outro de iluminação é que bateu contra a vitrine da concessionária.

Uma vizinha disse “ouvi um som como se fosse de trovão e não consegui dormir mais”.

Vitrine destruída (Chugoku Shimbun)

Fontes: ANN e Chugoku Shimbun

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência