Situação na maior usina nuclear da Europa ‘está completamente fora de controle’

Ucrânia e Rússia devem permitir que especialistas visitem a instalação em Zaporizhzhia, diz o chefe da IAEA.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

O chefe da Agência Internacional de Energia Atômica, Rafael Grossi, fez o alerta (The Independent)

A situação na maior planta de energia nuclear da Europa, na Ucrânia, “está completamente fora de controle” e ficando cada vez mais perigosa, alertou o chefe da Agência Internacional de Energia Atômica (IAEA).

Publicidade

Rafael Grossi disse que a comunicação “fragmentada” da instalação de Zaporizhzhia e a incapacidade da organização de visitar o local eram profundamente preocupantes.

A IAEA não tem certeza se a planta, que agora está em território controlado pelos russos, mas está sendo operado por funcionários ucranianos, está recebendo todas as peças que ele precisa para operá-la apropriadamente, enquanto seu fornecimento de equipamento tem sido afetado pela guerra.

Todo princípio de segurança nuclear foi violado”, disse Grossi sobre o local, acrescentando que sua organização precisa urgentemente verificar se o material nuclear de Zaporizhzhia está sendo protegido.

Ele pediu que a Ucrânia e a Rússia permitam que especialistas entrem na planta para avaliar a situação o mais rápido possível.

A planta nuclear está vivenciando um “catálogo de coisas que nunca deveriam estar acontecendo em qualquer instalação nuclear”, enfatizou o diretor-geral da IAEA.

Temores de um desastre nuclear similar ao de Chernobyl em 1986 cresceram quando a Rússia capturou a instalação em Zaporizhzhia logo após ela ter invadido a Ucrânia em 24 de fevereiro.

Fonte: The Independent

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Terremoto em Fukushima abala Tohoku e Kanto

Publicado em 4 de agosto de 2022, em Tempo

Ocorreu um terremoto na costa de Fukushima, o qual causou abalos de intensidade máxima 4.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Intensidade máxima 4 (Yahoo!)

A Agência de Meteorologia do Japão (AMJ) informou sobre a ocorrência de um terremoto na costa de Fukushima de magnitude 5,6, às 9h48 de quinta-feira (4).

Publicidade
  • Epicentro: costa da província de Fukushima
  • Profundidade: 60km
  • Intensidade máxima 4

Ocorreu tremor de intensidade 4 em 2 províncias.

  • Miyagi: Ishinomaki e Marumori
  • Fukushima: capital, Soma, Nihonmatsu, Tamura, Minami Soma, Fukushima-Ise, Koori, Kunimi, Kawamata, Izumizaki, Naraha, Futaba e Namie

Em algumas cidades das províncias de Iwate, Miyagi, Yamagata, Fukushima, Ibaraki e Tochigi o tremor de foi de intensidade 3.

Além disso, ocorreram abalos de intensidade 1 e 2 em ampla área das regiões Tohoku e Kanto.

Não foi emitido alerta de tsunami.

Fonte:

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência