DoCoMo: falha na comunicação e orientação para recuperar a normalidade

A maior operadora do país informou que ocorreu uma falha de comunicação para os usuários da grande região oeste.

Imagem ilustrativa da NTT DoCoMo (NHK)

Segundo informações da operadora NTT DoCoMo, ocorreu uma falha na comunicação dos usuários da ampla região oeste do Japão. desde as 7h50h de sábado (17).

Publicidade

A região oeste ou Nishi Nihon é de Hokuriku, Tokai até Kyushu e Okinawa. 

A área em vermelho é a região oeste do Japão (Wikimedia)

“Por volta das 11h36, tomamos medidas para contornar a falha de comunicação”, explicou a NTT.  

De acordo com o site Down Detector, a queixa de 50% dos usuários é de não conseguir usar a internet dos smartphones dessa operadora, a qual confirmou que não houve falha no sistema de telefonia.

As orientações fornecidas pela DoCoMo são:

  • Desligar o smartphone e ligá-lo novamente, ou
  • Colocá-lo no modo avião uma vez e depois no modo normal

Segundo a operadora, com um desses procedimentos a comunicação da internet deverá voltar ao normal.

Fontes: DoCoMo, NHK e Down Detector

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Tempestade de neve no final de semana

Publicado em 17 de dezembro de 2022, em Tempo

A previsão até segunda-feira é de tempestade de neve e nevasca em algumas regiões como Hokuriku.

Imagem ilustrativa de neve acumulada (PxHere)

Da noite de sábado (17) a segunda-feira (19), a previsão indica a entrada da forte frente fria, a pior desta temporada. A neve deverá cobrir ampla faixa do Mar do Japão, de Hokkaido a Kyushu.

Publicidade

Existe o risco de ocorrer a Japan Sea Polar Air Mass Convergence Zone (JPCZ), a causa da nevasca nas regiões Tohoku e Hokuriku. A população de Fukui, Ishikawa, Toyama e Niigata deve redobrar os cuidados.

A JPCZ é uma zona de convergência criada pelos ventos gelados que fluem da Sibéria, com cerca de mil quilômetros de extensão que se forma sobre o Mar do Japão no inverno.

Por conta desse fenômeno o arquipélago japonês está sob temperaturas muito baixas, o pior frio desta temporada, além dos ventos fortes, como de tufão.

Além das regiões com nevasca, a queda de neve deve acontecer no norte de Kinki, na região costeira de Chugoku e Kyushu, não só nas regiões montanhosas, mas também nas planícies. 

Também estão previstos flocos de neve em Shikoku, Nara, Wakayama, Nagano, Gifu, e parte de Shiga, Aichi e Shizuoka.  

É quase certo que haverá lugares onde vai nevar pela primeira vez nesta temporada. 

Mapa da tempestade de neve e nevasca de Hokuriku a Tohoku, até a noite de domingo (Weather News)

Há risco de avalanches nas regiões com muita queda de neve, o que requer vigilância. Com ventos tão fortes quanto os de um tufão, combinados com a neve, a visibilidade fica comprometida.

A recomendação para os motoristas nas regiões onde há previsão de queda de neve é trocar os pneus para rodar com segurança. Para quem usa o transporte público deve conferir se está operando normalmente.

Caso queira acompanhar a situação da neve, a Agência de Meteorologia do Japão (AMJ) disponibiliza uma página para visualizar o acúmulo e as previsões nas próximas 3, 6, 12, 24 e 48 horas (toque aqui para abrir).

Fontes: AMJ, WeatherNews e Tenki

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros