Coreia do Norte fez lançamento de mísseis no domingo

Houve um intervalo de aproximadamente 40 minutos entre um lançamento e outro.

Imagem de arquivo, do líder da Coreia do Norte, de abril deste ano da mídia estatal norte-coreana via JNN

A Coreia do Norte disparou um míssil balístico não identificado em direção ao Mar do Leste (Mar do Japão), informaram a Guarda Costeira do Japão e os militares sul-coreanos no domingo (18), às 11h17. 

Publicidade

Porém, às 11h56, foi confirmado o segundo lançamento. Os mísseis caíram fora da Zona Econômica Exclusiva (ZEE). 

O Estado-Maior Conjunto da Coreia do Sul anunciou o primeiro lançamento sem dar mais detalhes.

Segundo a Guarda Costeira do Japão não há notícia de danos em embarcações marítimas.

O lançamento ocorreu um mês depois que a Coreia do Norte disparou um míssil balístico intercontinental que, segundo autoridades, poderia atingir a parte continental dos Estados Unidos.

Essas ações podem ser a reação de Pyongyang à aprovação na semana passada de uma resolução da ONU pedindo esforços globais para melhorar as condições de direitos humanos na Coreia do Norte, disseram os observadores.

Na sexta-feira, o Gabinete do Japão também endossou um importante documento de segurança que abrangia a “capacidade de contra-ataque” que abriria caminho para o país lançar um contra-ataque caso ele e seu aliado, os Estados Unidos, fossem atacados, possivelmente do Norte.

Segundo o Ministério da Defesa do Japão (MOD) já foram mais de 60 mísseis balísticos, em 35 lançamentos, recorde em um único ano.

Fontes: News Digest, NHK, Yonhap News e JNN

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

DoCoMo: falha na comunicação e orientação para recuperar a normalidade

Publicado em 17 de dezembro de 2022, em Tecnologia

A maior operadora do país informou que ocorreu uma falha de comunicação para os usuários da grande região oeste.

Imagem ilustrativa da NTT DoCoMo (NHK)

Segundo informações da operadora NTT DoCoMo, ocorreu uma falha na comunicação dos usuários da ampla região oeste do Japão. desde as 7h50h de sábado (17).

Publicidade

A região oeste ou Nishi Nihon é de Hokuriku, Tokai até Kyushu e Okinawa. 

A área em vermelho é a região oeste do Japão (Wikimedia)

“Por volta das 11h36, tomamos medidas para contornar a falha de comunicação”, explicou a NTT.  

De acordo com o site Down Detector, a queixa de 50% dos usuários é de não conseguir usar a internet dos smartphones dessa operadora, a qual confirmou que não houve falha no sistema de telefonia.

As orientações fornecidas pela DoCoMo são:

  • Desligar o smartphone e ligá-lo novamente, ou
  • Colocá-lo no modo avião uma vez e depois no modo normal

Segundo a operadora, com um desses procedimentos a comunicação da internet deverá voltar ao normal.

Fontes: DoCoMo, NHK e Down Detector

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros