Gastos das famílias no Japão diminuem

O gasto das famílias é um indicador chave de consumo privado, que conta por mais da metade do Produto Interno Bruto do país.

Uma loja de 100 yen em Tóquio (ilustrativa/banco de imagens)

Os gastos das famílias no Japão em novembro caíram 1,2% em comparação ao ano anterior, o primeiro declínio em 6 meses, visto que temperaturas mais quentes abalaram a demanda por roupas e produtos de inverno, disse o governo nesta terça-feira (10).

Publicidade

Lares com 2 ou mais pessoas gastaram uma média de ¥285.947 (cerca de US$2,2 mil), disse o Ministério de Assuntos Internos e Comunicações.

Por categoria, os gastos com roupas e calçados diminuíram 9,3%, queda pela 1ª vez em 9 meses, visto que o clima mais quente do que o normal enfraqueceu a demanda por peças de inverno como blusas, disse um funcionário do ministério.

Despesas com móveis e artigos domésticos caíram 5,2% em comparação ao ano anterior.

Gastos com comidas e bebidas diminuíram 2,9%, afetadas pela demanda fraca pelas de teor alcoólico após seus aumentos de preços em outubro, disse o funcionário.

Enquanto isso, gastos com entretenimento expandiram 7,4%, visto que a Copa do Mundo no Catar em novembro a dezembro estimulou compras de novas TVs e artigos esportivos, de acordo com o funcionário.

O gasto das famílias é um indicador chave de consumo privado, que conta por mais da metade do Produto Interno Bruto (PIB) do país.

Fonte: Mainichi

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Da influenza à encefalopatia, doença que leva à morte

Publicado em 10 de janeiro de 2023, em Dicas Especiais

Diante dos sintomas de influenza, deve levar a criança para fazer o teste. Depois, em casa, não se pode tirar os olhos dela e saiba os motivos.

Imagem ilustrativa de criança com febre (Flicrk)

Durante a epidemia de influenza neste inverno é preciso ficar atento aos sintomas da criança ao suspeitar da infecção, pois há relatos de casos de encefalopatia necrotizante aguda, doença que mata.

Publicidade

Os primeiros relatos foram em crianças no Japão. Em geral, é chamada de encefalopatia por influenza na tradução livre (インフルエンザ脳症, lê-se influenza nosho), segundo o Instituto de Doenças Infecciosas do Japão (NIID). 

Os dados estatísticos do NIID apontam que há mais relatos de crianças de 0 a 4 anos e de 5 a 19 anos do que em adultos com mais de 20 anos. Não se trata de uma simples gripe, por isso, é preciso ficar atento aos sintomas.

Veja quais são.

  • Febre
  • Convulsão, principalmente na faixa de 0 a 4 anos
  • Tosse e coriza
  • Vômitos, principalmente na faixa dos 5 aos 19 anos
  • Dores no corpo, dores muscular e nas articulações
  • Fadiga e mal-estar
  • Exaustão
  • Cefaleia (dor de cabeça) 
  • Rigidez na nuca 

Se perceber a maioria desses sintomas deve procurar uma clínica ou hospital o mais rápido possível, especialmente se for criança, deve levá-la ao pediatra. É importante fazer o teste e ser diagnosticado logo, preferencialmente antes das 12 horas do início da febre para que seja medicada.  

Como cuidar da criança com influenza

Criança com febre (Public Domain Pictures)

Os cuidados domiciliares devem ser os mesmos da gripe comum, de repouso em um quarto com temperatura e umidade reguladas. E, claro, evitar contato com outras pessoas da família para não infectá-las.  

No caso da febre por causa da influenza, a criança pode se comportar de maneira anormal, como começar a correr repentinamente ou tentar pular da janela. Anteriormente, costumava-se pensar que esse tipo de atitude era pelo efeito colateral dos medicamentos contra a influenza, mas já se sabe que isso pode ocorrer em decorrência da infecção. Portanto, não se deve tirar os olhos da criança enquanto tiver quadro febril, que em geral leva 2 dias.  

Ao perceber que a criança não responde direito ou seu quadro mudou, a recomendação é levá-la imediatamente ao pronto-socorro, especialmente se tiver menos de 5 anos. Embora a encefalopatia por influenza seja rara, é uma doença perigosa com alta taxa de mortalidade.

Se a criança tiver confirmação de influenza, certifique-se que ela já está curada para deixar que vá à escola, ao jardim de infância ou à pré-escola, para evitar o contágio dos colegas. 

Fontes: MyNavi e NIID

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros