Menina de 7 anos é diagnosticada com câncer de mama no Chile

A mãe da menina, do Chile, encontrou um nódulo no mamilo da filha pela primeira vez quando ela tinha 5 anos.

Ilustrativa (banco de imagens)

Acredita-se que uma menina tenha se tornado a pessoa mais jovem no mundo a ser diagnosticada com câncer de mama, aos 7 anos de idade.

Publicidade

A mãe da menina notou um pequeno nódulo no mamilo da filha quando ela tinha 5 anos, na hora do banho.

Dois anos depois foi confirmado como câncer de mama e a menina então foi então submetida a uma operação para remover o tecido afetado.

“Quando eu estava secando minha filha e passando creme notei um pequeno nódulo em seu mamilo”, disse a mãe.

“O médico me disse que isso não era normal e que cresceria se fosse deixado como está por um longo tempo, mas ele nunca me falou que chegaria a isso”.

“Agora minha filha está mutilada e essa é a dor com a qual eu tenho que conviver. A única coisa que ela me menciona quando eu a levo ao oncologista é que ela não quer ficar careca”.

“Mais além, ela não entende que perdeu seu seio”.

Atualmente, a família está aguardando resultados de testes para descobrir se o tumor começou a se disseminar para outras partes do corpo.

Se o diagnóstico da menina não melhorar, a família disse que visitará especialistas em Barcelona, na Espanha, que têm experiência em tratar jovens pacientes de câncer.

O hematologista pediátrico e oncologista Francisco Barriga disse que “a maioria das mulheres que são diagnosticadas com câncer de mama têm entre 50 e 60 anos”.

“A partir daí ele começa a aparecer com menos frequência, e um caso de uma criança com menos de 7 anos é completamente incidental”.

Felipe Tagle, presidente da Associação Chilena de Pacientes de Câncer, acrescentou que muitos médicos não quiseram assumir o caso por causa da idade da menina.

Fonte: Mirror

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Sexta-feira gelada em Kanto: neve cobrirá até as planícies

Publicado em 8 de fevereiro de 2023, em Tempo

Uma nova onda de frio se aproxima do arquipélago e a previsão é de frio e neve em Kanto.

Pegadas na neve acumulada (RawPixel)

Uma área de baixa pressão está se desenvolvendo do sul do país para o leste e se concentrará na sexta-feira (10) e sábado (11). 

Publicidade

Kanto e regiões próximas do Pacífico deverão ter queda de neve, com risco de forte nevasca ao norte. Mesmo em áreas planas, como o centro de Tóquio, a neve poderá se acumular. 

É necessário ficar atento na sexta-feira e sábado, pois a área de baixa pressão da costa sul se deslocará de Kyushu para o leste. Por onde passar nas províncias do lado do Pacífico, desde Kyushu a Tokai deverá causar chuva e vento. 

Infográfico mostra chuva e neve: Tenki

Porém, o ar frio é capaz de causar neve até mesmo nas planícies da região Kanto-Koshin (inclui Nagano e Yamanashi) mas nas montanhas o acúmulo poderá chegar a 30 centímetros. 

Há preocupação de neve forte no lado do Mar do Japão na próxima semana, entre 15 e 17. E o ar frio intenso se moverá temporariamente para o sul, por isso, Kyushu também poderá ficar com a paisagem branca.

Fonte: Tenki 

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Empregos no Japão - HUMAN