4 carreiras profissionais para quem deseja trabalhar no Japão

Conheça 4 áreas ótimas opções para os estrangeiros que desejam trabalhar no Japão.

Imagem ilustrativa (PM)

Morar e trabalhar no Japão é o sonho e o objetivo de muitos brasileiros que desejam ter uma vida mais estável e tranquila.

Publicidade

O Japão é um destino de muitos brasileiros que optam por morar fora do país, pois existem muitas oportunidades de trabalho para estrangeiros, com salários melhores que os oferecidos por muitas empresas no Brasil.

Porém, para conseguir trabalhar no Japão, é necessário possuir toda a documentação exigida e ter um conhecimento básico de japonês, para que as oportunidades apareçam. Dentre a documentação necessária, é preciso de um visto para trabalhar no país, que só é concedido para quem já possui uma proposta de trabalho no país.

Também é necessário possuir Certificado de Elegibilidade, que é emitido no Japão, e Certificado de Proficiência em Japonês (JLPT), que garante que a pessoa tem alguma fluência no idioma.

Atendendo a esses requisitos, agora veja alguns dos principais trabalhos oferecidos para estrangeiros no Japão.

Agente de comércio exterior

Os agentes de comércio exterior atuam como facilitadores de importações e exportações de mercadorias. Apesar de ser uma área que nem sempre exige uma formação na área, cursos como logística, gestão de negócios e gerenciamento de negócios são um grande diferencial para candidatos que buscam trabalhar nessa área.

Profissional de TI

O Japão é mundialmente conhecido por ser um dos polos tecnológicos mais importantes do mundo. Áreas como programadores, desenvolvedores de softwares e outras profissões relacionadas ao mundo da tecnologia estão entre as que mais empregam estrangeiros no Japão.

Porém, esta é uma área que necessita de formação específica  e conhecimentos em inglês e japonês, para que as chances de uma boa oportunidade aumentem.

Intérpretes e tradutores

As pessoas no Japão não costumam ser fluentes em outros idiomas além do nativo. Por isso, muitas empresas contratam tradutores e intérpretes, para facilitar a comunicação entre os japoneses e os estrangeiros que trabalham no país. Essa é uma área que possui uma grande demanda para estrangeiros que falam japonês e também outros idiomas.

Fábricas e indústrias

O Japão há muitos anos é um país carente quando o assunto é mão de obra para trabalhar em fábricas e indústrias, e isso se reflete nas vagas oferecidas para estrangeiros. Uma das formas mais comuns de ingressar no mercado de trabalho no Japão é trabalhando em fábricas e indústrias. Apesar de ser um trabalho exaustivo, é uma ótima maneira de começar a trabalhar no país.

Além disso, também é possível se especializar em outras áreas enquanto realiza esse tipo de trabalho, através de uma faculdade que oferece cursos no modelo EAD no Japão, como a UCB e a Claretiano, por exemplo.

É possível realizar essa especialização remota sem sair de casa, o que facilita muito a vida de pessoas que já estão inseridas no mercado de trabalho. Através de um notebook, tablet ou até mesmo um celular, é possível se especializar e conseguir uma evolução na carreira.

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Japonesinha entrou no Guinness como a mais nova DJ do mundo

Publicado em 21 de julho de 2023, em Entretenimento

Conhecida como DJ Rinoka, a menina japonesa é aluna do primeiro ano do primário e toca como adulta nos clubes!

DJ Rinoka tocando no clube em Tóquio e ela em outro evento (reproduções do YouTube e Instagram)

O Japão teve um registro no Guinness em 2017, quando o menino 森田一希, na ocasião com 6 anos e aluno do primeiro ano do primário, foi certificado como o DJ mais novo do mundo.

Publicidade

Desta vez, na quinta-feira (20), foi a vez da menina conhecida como DJ Rionoka (Rinoka Ishitsuka), também de 6 anos, residente em Tóquio, ser reconhecida pelo livro dos recordes, o Guinness, como a mais nova do mundo, classe feminina.

Desinibida, a talentosa tem conta do Instagram, com 140 mil seguidores e, no post do anúncio do reconhecimento, seus fãs lhe parabenizaram. Recebeu até uma mensagem em inglês perguntando se quer participar do programa America’s Got Talent. 

A pequena DJ Rinoka se apresentou ao vivo pela primeira vez, como profissional, no Vintage&Creators Market realizado no Studio Ease Meguro, no final de maio, o que foi decisivo para a sua entrada no Guinness.

Ela toca, canta e dança, nos vários estilos musicais, pois curte tudo, disse seu pai. E não pense que a DJ Rinoka chega no palco e se apresenta. Ela mesma carrega os seus equipamentos, apesar da tenra idade, mostrando que para ser DJ não é só fazer o público vibrar.

DJ Rinoka carregando seus equipamentos e ela se apresentando no clube (reproduções do YouTube e Instagram)

A menina é autodidata, mas claro, no começo recebeu algumas instruções do seu pai, que curte todos os estilos musicais e ela acompanhava tudo desde os tenros 2 anos de idade. Com esse ouvido musical aguçado, gosta de tocar dance, hip hop, techno, rock progressivo, post-rock e hardcore, entre outros, disse o pai.

Por causa do gosto pela música, ela frequenta uma academia de dança, onde faz aulas de hip hop e jazz hip hop. Recentemente ingressou no curso de formação DJ da Pioneer e, nas horas livres, também gosta de skate.

Ela tem o apoio dos pais porque faz por gosto e tem inspirado pessoas pelo mundo através de suas redes sociais, como o YouTube, onde eles postam os vídeos no Shorts. No futuro, disse que ser ser uma artista e também continuar DJ.

Assista a um dos vídeos da DJ Rinoka e sucesso para ela!

Fontes: Guinness World Records e Joshi Spa

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!