Restaurantes disponibilizarão serviços de pedidos através do Amazon Echo

Sukiya e Sushiro são 2 dos restaurantes que disponibilizarão serviços de entrega através do alto-falante inteligente da Amazon.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A Amazon Japan anunciou as vendas do Amazon Echo, alto-falante (speaker) inteligente com a assistente virtual “Alexa”, para a “semana de 13 de novembro”, conforme divulgado pela empresa. Além do uso pessoal, o aparelho vem chamando atenção dos restaurantes para uso comercial.

Publicidade

O Amazon Echo é um alto-falante de tipo fixo controlado por voz capaz de se conectar à Internet através do wi-fi. O Echo consegue executar vários comandos, como pesquisar informações para responder perguntas do usuário. Mesmo se o usuário estiver afastado a 6 metros do aparelho, ainda será possível executar comandos de voz sem precisar utilizar as mãos (hands free).

O mercado japonês de alto-falantes inteligentes contava com o “Google Home” e “Clova WAVE”. Com a chegada do Amazon Echo, a competição ficou ainda mais acirrada, principalmente pela feature “Alexa Skills Kit” para desenvolvedores. As habilidades (skills em inglês), sistema de adição de funcionalidades e serviços, conectadas ao Echo foram criadas para aumentar a praticidade do usuário.

Até o dia 8 de novembro, o Echo contava com mais de 265 skills, incluindo os restaurantes Sushiro e Sukiya. A rede de sushi Sushiro iniciará o serviço de entregas “Omochikaeri Menu” (お持ち帰りメニュー) através do Echo. Os usuários poderão pedir em sua casa o menu de entrega do Sushiro sem mover um único dedo. O comando de voz começa com “Quero fazer um pedido por Internet no Sushiro” e termina com os detalhes das lojas, menu e horário desejado para entrega. O sistema estará disponível em todas as 478 lojas do país.

Segundo o Akindo Sushiro, empresa operadora do Sushiro, “temos o objetivo de fazer com que os usuários de diversas camadas aproveitem os produtos do Sushiro através da introdução de serviços da marca na área de alto-falantes com inteligência artificial (AI), as quais pode-se esperar crescimento futuro”.

Em 15 de novembro, a rede Sukiya também disponibilizará o serviço de “reservas de obentô” (お弁当予約 – obento yoyaku). “Abra os gyudons do Sukiya” é o início do comando de voz. Após isso, basta o usuário dizer a quantidade, horário e a loja em que irá receber o pedido. Uma maneira prática de receber os bentôs sem ter que esperar na fila. Todas as 1.951 lojas do país disponibilizarão o serviço.

Até o momento atual, o Sukiya vinha disponibilizando o “obentô dial” para pedidos por telefone. “(O skill no Amazon Echo) diminuirá a pressão sobre os pedidos e permitirá que sejam realizados mais facilmente.”, divulgou a Zensho Holdings, empresa matriz do Sukiya.

Fonte: IT Media

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Diabetes: reflexão sobre a doença

Publicado em 13 de novembro de 2017, em Mundo

No Dia Mundial do Diabetes, em 14 de novembro, a data faz um convite à reflexão sobre a doença que se transformou em “epidemia” do século.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Diabetes é umas das doenças do século 21 (Pixabay)

O diabetes é uma doença das mais preocupantes no mundo, com mais 415 milhões de pessoas atingidas em todo o Planeta. Seja no Brasil, com mais de 16 milhões, ou no Japão, com mais de 10 milhões, o número de pacientes continua a subir.

Publicidade

A maior incidência é entre os homens, com 16,3% da população e o índice é de 9,3% nas mulheres. Os dados são do ano passado, do Japão. As consequências do diabetes são graves. Incluem AVC, complicações na visão, doenças cardiovasculares, lesão nos pés, nefropatia diabética, câncer e degeneração dos vasos. Veja o infográfico abaixo.

Diabetes e suas consequências (Euroclinix)

Diabetes e a mulher

Atualmente, há quase 200 milhões de mulheres que vivem com diabetes e esse total deverá aumentar para 313 milhões até 2040. É a nona causa de morte em mulheres em todo o mundo, causando 2.1 milhões de mortes/ano.

Em Portugal por exemplo, existe uma diferença estatisticamente significativa na prevalência da Diabetes entre os homens (15,9%) e as mulheres (10,9%). Já no Brasil, a incidência é mais igualitária com 7,8 % nos homens, enquanto que o percentual chega a atingir 9,9% do público feminino.

Tem então a mulher um maior risco de sofrer diabetes? Os sintomas são diferentes? Serão então o diagnóstico e tratamento os mesmos para homem e mulher? Vamos responder abaixo.

Sintomas específicos do diabetes na mulher (Euroclinix)

Sintomas de diabetes na mulher

Os sintomas de diabetes de forma geral são os mesmos entre o gênero masculino e feminino: sede excessiva, micção frequente, sensação de fome, fadiga, visão turva e dificuldade de regeneração (cortes não curam).

No entanto, existem ligeiras diferenças e sintomas mais específicos. Os homens diabéticos sofrem frequentemente de disfunção eréctil, ejaculação retrógrada e outros problemas urológicos.

Nas mulheres, os sintomas de diabetes podem incluir: infecções fúngicas vaginais, infecções urinárias, disfunção sexual e síndrome do ovário policístico.

Prevalência do diabetes na mulher

Duas em cada cinco mulheres com diabetes são de idade reprodutiva, representando mais de 60 milhões de mulheres em todo o mundo.

No Brasil,o aumento da idade está diretamente relacionado com o aumento da prevalência de diabetes. Nas mulheres com mais idade, o número de diabéticas vem apresentando aumento nos últimos anos:

  • Entre 18 e 24 anos, o índice é de 0,9% da população feminina;
  • Nas idades entre 35 e 44 anos, o índice aumenta para 5,2%;
  • Para mulheres com idade entre 55 e 64 anos, esse índice sobre para 19,6%;
  • Para 65 anos ou mais, o índice chega a 27,6%.

Quem cuida mais da saúde, homem ou mulher? (Euroclinix)

Papel da mulher na prevenção do diabetes

A mulher está fortemente ancorada no nível social com a função de mãe. Isso também se reflete em estudos sobre cuidados com diabetes dentro da família. Muitas organizações veem um grande potencial no papel da mãe como gerenciadora de saúde que deve garantir a prevenção de diabetes nas próximas gerações. Mas como funciona essa ideia?

A mulher como responsável da saúde familiar

Vários estudos mostraram que as mulheres de fato têm um impacto maior na saúde de sua família do que nos homens.

Um maior interesse em questões de saúde geralmente também significa que as mães apresentam uma ampla gama de habilidades. Mesmo sendo responsabilidade tanto do homem quanto da mulher, é o sexo feminino que mais se volta para a escolha e a preparação dos alimentos, mesmo que a percepção sobre alimentação saudável não apresente tantas diferenças entre homens e mulheres. Isto dá à mulher o potencial de influenciar positivamente a saúde futura da sua família.

Para saber mais detalhes sobre a doença, especialmente na mulher, acesse o site https://www.euroclinix.net/br/diabetes/dia-mundial-diabetes-mulher

Todas os infográficos e parte das informações foram cedidos pela Euroclinix.

Foto: Pixabay

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância