Supertufão Mangkhut deixa pelo menos 28 mortos nas Filipinas

Número de mortos sobe para 28. A maioria perdeu a vida em deslizamentos de terra em províncias montanhosas da área norte das Filipinas.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ventos ferozes e chuva pesada do Mangkhut (Accuweather/James Bamba @ginenguahan via Storyful)

O supertufão Mangkhut segue em direção ao sul da China neste domingo (16) após causar destruição no norte das Filipinas com ventos ferozes e chuva pesada.

Publicidade

Autoridades nas Filipinas informaram que o número de mortos em consequência do supertufão Mangkhut aumentou para 28, a maioria perdendo a vida em deslizamentos de terra em províncias montanhosas da área norte do país.

O diretor-geral da polícia, Oscar Albayalde, disse ao Associated Press que 20 morreram na região de Cordillera, 4 na província de Nueva Vizcaya e uma outra fora das duas regiões, quando o tufão devastou a área montanhosa produtora de arroz no sábado (15).

Outras três mortes foram relatadas na província de Cagayan, no norte, onde o olho do tufão tocou o solo nas Filipinas.

Rios transbordaram (Nigtlhy News/Frank Macario)

Na manhã deste domingo, o Mangkhut, atualmente com ventos sustentados de até 145Km/h e rajadas de até 180Km/h, estava seguindo em direção ao sul da China, área muito povoada, onde autoridades aumentaram os alertas de tempestade para o nível mais alto e moveram cerca de 500 mil pessoas de sete cidades para abrigos.

Como a tempestade está a caminho da costa sul da China, a companhia aérea Cathay Pacific alertou aos viajantes que mais de 400 voos poderiam ser cancelados ao longo dos próximos três dias.

Uma média de 20 tufões e tempestades atingem as Filipinas a cada ano, levando a vida de centenas de pessoas e deixando milhões quase na pobreza.

Fonte: AP, Telegraph
Imagem: Accuweather, Nightly News

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Embarcação na Indonésia pega fogo com mais de 140 pessoas a bordo

Publicado em 15 de setembro de 2018, em Ásia

O resgate só conseguiu chegar ao local do incidente algumas horas depois por causa das ondas altas.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

O incidente ocorreu na tarde de sexta-feira (14). A causa do incêndio é desconhecida (Tribun-Timur)

Dez pessoas morreram e outras 11 estão desaparecidas após um navio de passageiros com 147 a bordo ter pegado fogo na sexta-feira (14) e afundado ao largo da costa da central da Indonésia, informou um oficial do governo neste sábado.

Publicidade

O Fungka Permata V partiu do porto de Bau-Bau de Celebes (Sulawesi, em indonésio) com destino ao porto de Sanana na província de Maluku, a cerca de 520Km de distância, quando pegou fogo nas águas ao largo da costa de Banggai Regency de Celebes, disse Gus Rional, porta-voz no Diretório Geral do Transporte Marítimo.

A embarcação afundou às 16h45.

A embarcação pegou fogo nas águas ao largo da costa de Banggai Regency de Celebes (imagem ilustrativa – vista de Banggai Regency/ Wikimedia -Mujiono Leo)

A equipe de resgate só conseguiu chegar ao local às 19h30 por causa das ondas altas e resgatou 126 passageiros, disse o porta-voz.

A causa do incidente é desconhecida, divulgou a Kyodo.

Um dos sobreviventes é levado para o hospital (Antara News)

Fonte: Kyodo
Imagem: Wikimedia, Tribun-Timur, Antara News

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância