3 formas rápidas para conferir se está desidratado

O ideal é se prevenir. Mas em caso de dúvida, saiba como fazer autoexame para saber se está com desidratação.

Água é indispensável para o organismo se manter hidratado (PxHere)

No verão é preciso tomar cuidado com a desidratação. A insolação ocorre quando a pessoa está em local ou ambiente de alta temperatura, causa da desidratação e também pelas falhas dos órgãos internos.

Publicidade

Portanto, é preciso ter cuidado e ingerir bastante água para repor as perdas através da transpiração e da excreção.

De acordo com o Ministério da Saúde do Brasil os sinais de desidratação são visíveis. Veja quais são.

– olhos fundos

– ausência de lágrimas quando a criança chora

– boca e língua secas

– ter muita sede e beber água ou outro líquido muito rápido

– diminuição da quantidade de urina

– afundamento da moleira (em bebês)

Se apresentar dois ou mais sintomas, pode ser desidratação. 

3 formas rápidas de autoexame

A NHK apresentou um especial sobre o tema. Especialistas entrevistados apontaram 3 formas rápidas de autoexame para conferir se está hidratado ou desidratado.

  • Puxar a pele da mão

Autoexame fácil e também pode ser feito na mão da criança (NHK)

Pegue uma pequena área da pele da mão conforme a foto. Puxe-a e solte em seguida. Se não voltar ao normal em 3 segundos pode sinalizar sintoma de desidratação. 

  • Unhas

Exame da unha (NHK)

Pressiona-se a unha, como a do polegar, conforme a foto. Isso se faz rapidamente e solte. Caso a cor da unha continue branca depois de 3 segundos pode ser sinal de desidratação. Quando ocorre redução de água no organismo o fluxo sanguíneo fica deficiente, não chegando às extremidades. Isso faz perder o vermelho natural das extremidades das mãos e pés.  

  • Língua

Língua da esquerda é normal, enquanto que da direita é de um paciente com insolação (NHK)

O outro método é observar a língua em frente ao espelho. Ela tem cor vermelha na pessoa saudável. A pessoa desidratada perceberá redução na quantidade de saliva. Além disso o sangue fica “grosso”, de modo que a língua se apresenta com cor vermelha quase preta e a superfície fica irregular.

Se apresentar sinais de desidratação a recomendação é tomar água. Bebidas como suco e refrigerante não hidratam. Dependendo do chá tem cafeína, como no café, a qual tem efeito diurético.

Dependendo do quadro procure um médico

Fontes: NHK e Min. Saúde  
Fotos: NHK e PxHere

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Sala especial para crianças estrangeiras em pré-escola municipal de Shiga

Publicado em 24 de maio de 2019, em Sociedade

É uma iniciativa pioneira, talvez no Japão, do município para acolher aluninhos estrangeiros. A maioria é de crianças brasileiras. Saiba mais.

Cena da sala de aula especial para aluninhos estrangeiros, com professora e intérprete (Mainichi)

A pré-escola municipal Himawari, devidamente credenciada, de Higashiomi (Shiga), iniciou uma classe especial para as crianças estrangeiras em abril deste ano.

Publicidade

O pioneirismo tem um motivo. O índice da população estrangeira é superior a de outras cidades da província, de 2,9%. A maioria é brasileira.

Por isso, nessa pré-escola foi alocada uma pessoa que serve de intérprete em sala de aula. Ao mesmo tempo em que a criança sente alívio pela comunicação no idioma nativo, pode desenvolver a língua japonesa.

A intérprete brasileira Keiko Shimada, 57, faz a ponte entre as crianças e a professora.

Na creche e pré-escola estão matriculadas 302 crianças, de 0 a 5 anos. Dentre elas 26 são estrangeiras, sendo 22 brasileiras.

As crianças estrangeiras que já têm um pouco de compreensão do idioma japonês vão para a classe normal.

A diretora da instituição, Hatsuyo Hiraki, disse para o jornal Mainichi “anteriormente já vimos crianças que choravam por não conseguir transmitir seu pensamento. Queremos transformar este espaço em local onde todas possam ser compreendidas”.

A diretora de uma NPO de Tóquio que dá apoio às crianças estrangeiras de 35 países diferentes, no total de 700 pessoas, declarou que nunca ouviu falar de creche e pré-escola municipal com essa iniciativa, a qual elogiou pelo ponto de vista da formação da identidade das crianças.

Fonte: Mainichi 

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros