Kintetsu estreia novo trem Nagoia-Osaka, mais moderno e confortável

A companhia de trem Kintetsu apresentou o novo trem que fará o trecho de ida e volta de Nagoia a Nanba, em Osaka.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Novo trem, de cor vermelha, da Kintetsu (CTV)

A companhia de trem Kintetsu apresentou para a imprensa o novo trem, na quarta-feira (5). 

Publicidade

Depois de 7 anos construiu um novo, deixando de ser usado o tradicional azul, passando a vermelho, bem elegante, com um pássaro dourado como emblema. Batizado de Hinotori (ひのとり) o novo expresso será usado na linha Nagoia (Aichi) a Nanba, na cidade de Osaka (província homônima).

Para quem gosta de fazer passeios ou precisa viajar a trabalho, esse expresso da Kintetsu sai mais barato que o shinkansen da JR, se pode observar belas paisagens e ainda desembarca em um dos points de Osaka. No caso do shinkansen o desembarque é em Shin Osaka. Caso queira ir para Umeda ou Nanba é preciso tomar um metrô.

Conforto de classe executiva

A principal característica do Hinotori é o novo vagão Premium, com poltronas 25 centímetros mais largas do que o expresso atual. Além disso, o passageiro pode reclinar a poltrona sem atrapalhar quem está atrás, e esticar as pernas. 

Poltronas reclináveis, com tomadas e dispositivo para esticar as pernas (Tokai TV)

Para que os passageiros possam acomodar suas bagagens foram instalados armários maiores, para conveniência, com chave e gratuitos. Se quiser saborear um café passado na hora basta ir até a máquina automática. Esse é pago.

E como ninguém fica sem o smartphone tem tomadas em todos os assentos. Parecem poltronas de classe executiva de avião, em fileiras únicas ou de 2 assentos.

Será colocado em circulação a partir de 17 de março, com 6 idas e voltas diárias. A passagem no assento comum custa ¥4.540 e por um pouco mais, pagando ¥5.240 pode viajar com muito mais conforto e luxo no vagão Premium.

A Kintetsu fica ao lado da Meitetsu e JR em Nagoia.

Fontes: CBC TV, CTV e Tokai TV

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Taxista na Tailândia que se recuperou após contrair coronavírus encoraja Wuhan

Publicado em 6 de fevereiro de 2020, em Ásia

O motorista foi ao hospital após perceber que estava tossindo muito. Em 31 de janeiro ele foi identificado na Tailândia como o 1º caso de transmissão entre pessoas.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

(Imagem ilustrativa/PM)

Um motorista de táxi que se recuperou do novo coronavírus após contraí-lo de turistas chineses disse na quarta-feira (5) que queria encorajar a cidade de Wuhan, o epicentro do surto, a continuar lutando contra o vírus.

Publicidade

“Eu assistia aos noticiários todos os dias do quarto onde fui colocado em quarentena e envio meu apoio a Wuhan”, disse o motorista de 50 anos, que usava uma máscaras cirúrgica para esconder sua identidade em uma coletiva de imprensa.

“Mesmo eu consegui combater o vírus, então vocês também podem”, disse o motorista quando recebeu alta do hospital.

O motorista foi por conta ao hospital após perceber que estava tossindo muito. Ele foi identificado na Tailândia como o primeiro caso de transmissão entre pessoas em 31 de janeiro.

Com 25 casos, a Tailândia é um dos países que teve o maior número de infecções além da China. Nove pessoas se recuperaram e 16 pacientes estão em tratamento. O vírus já matou cerca de 500 pessoas, quase todas elas na China.

“Quando eu descobri que tinha o vírus eu chorei, porque tenho que cuidar da minha família”, disse o motorista.

“Mas eu não tenho um sentimento ruim contra turistas ou chineses. Sou motorista de táxi, e dependo dos turistas para ganhar meu sustento”.

A Tailândia recebeu cerca de 11 milhões de turistas da China no ano passado.

Os médicos elogiaram o motorista por parar de trabalhar e ir ao hospital assim que começou a se sentir mal. Todos de sua família testaram negativo para o vírus.

Fonte: Asahi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância